Vettel pede volta de bandeira quadriculada tradicional e brinca: “Não fui o único ansioso”

Sebastian Vettel pediu o retorno da bandeira quadriculada tradicional como o único sinal de encerramento da corrida. Dispositivo digital antecipou o resultado em uma volta, o que acabou beneficiando Sergio Pérez, da Racing Point, que permaneceu nos pontos mesmo após batida

A bandeira quadriculada para o GP do Japão foi mostrada na penúltima volta. O erro mudou a forma que os resultados foram computados, declarando o fim da corrida com 52 voltas, o que beneficiou Sergio Pérez, que apesar de bater com Pierre Gasly no giro final, ficou com a nona posição na classificação oficial.

 
Segundo colocado em Suzuka, Vettel pediu o retorno da bandeira quadriculada tradicional como o único sinal de fim da prova. Desde o início da temporada, um painel digital também aparece para mostrar o término da corrida, e foi justamente o dispositivo eletrônico que causou confusão no fim.
 
"Com as regras atuais, eles exibiram a bandeira quadriculada uma volta antes. A corrida meio que continuou e acho isso errado. Ainda temos o pit-board nos dando informações sobre as voltas. Vemos quantas faltam. Eu vi que ainda restavam uma e o rádio avisou que era a última", disse Vettel em entrevista ao site ‘RaceFans.net’, explicando que a equipe faz uma contagem regressiva com as voltas restantes.
Sebastian Vettel (Foto: Ferrari)
O GP do Canadá de 2018, vencido por Vettel, também teve polêmica a respeito da bandeira quadriculada, que foi acionada com uma volta de antecedência pela modelo Winnie Harlow, o que acabou motivando a entrada do sinal digital para 2019.
 
"É claro que houve confusão no pit wall pelo timing que apareceu a bandeira quadriculada, e não a verdadeira bandeira. Tivemos um problema no Canadá no ano passado quando ela veio adiantada, e pelo que entendi, o momento é mais decisivo”, declarou. "Eu considero que ainda precisamos a bandeira quadriculada, não importa qual das duas foi errada. Penso que para nós pilotos, a corrida não deveria continuar quando ela é mostrada”, completou.
 
Vettel ainda brincou com o fato de ter queimado a largada. O alemão da Ferrari se movimentou antes das luzes vermelhas se apagarem, mas não foi punido. "Então, eu não fui o único ansioso que se adiantou", ironizou o alemão.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube