Vídeo: McLaren apresenta visão de F1 do futuro com revolucionário modelo conceitual MP4-X

O futurista carro-conceito apresentado pela McLaren nesta quinta-feira, o MP4-X, é inspirado na F1, mas traz alguns conceitos que a lendária equipe britânica acredita que serão introduzidos dentro de alguns anos. Chama a atenção, por exemplo, as rodas cobertas e o cockpit fechado

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

A McLaren apresentou nesta quinta-feira (3), em sua página na internet, o modelo que acredita ser um dia a F1 do futuro. A escuderia de Woking exibiu um vídeo e muitos desenhos do carro-conceito MP4-X, inspirado nos carros atuais de F1, mas com muitas mudanças que chamam a atenção. Entre elas, está a introdução do cockpit fechado, algo debatido em profusão em 2015 depois da trágica morte de Justin Wilson na Indy, e também de variações aerodinâmicas, como a adoção do efeito solo, e a cobertura total para as quatro rodas do carro.
 

determinarTipoPlayer(“15696772”, “2”, “0”);

Também estão embarcados conceitos que já fazem parte da F1 atual, como a adoção do uso de energia híbrida. A McLaren também diz que, além do uso de energia alternativa, o chassi tem a capacidade de mudar de forma para se adaptar às distintas exigências aerodinâmicas.

Eis o MP4-X, o conceito de futuro da F1 visto pela McLaren (Foto: McLaren)
No texto divulgado em seu site, a McLaren apresenta o MP4-X como sua visão conceitual para o futuro da tecnologia no automobilismo. “A F1 é um esporte de gladiadores, e nós vislumbramos que o futuro vai ser de altíssima tecnologia, vitrine da alta performance que empolga os fãs como em nenhum outro esporte. Moldar o futuro é algo que fazemos todos os dias na McLaren”.
 
“Nossos estrategistas de corrida na F1 pensam muitas voltas à frente quando se planeja um pit-stop; nossos engenheiros automotivos constroem carros de rua de alta performance para a próxima geração de pilotos, e nossos tecnólogos e projetistas na McLaren Applied Technologies trabalham em conceber formas de melhorar a assistência médica, transporte e muitas outras áreas das nossas vidas”, diz a equipe.
Uma nova visão da F1 no futuro: é o que a McLaren apresenta com o conceitual MP4-X (Foto: McLaren)
“Com a o carro de corrida conceitual e futurista McLaren MP4-X, queríamos igualar o futuro e imaginar a arte do possível”, declarou John Allert, diretor da McLaren. “Combinamos uma série de ingredientes-chave da F1: velocidade, emoção e desempenho, com narrativas emergentes do esporte, como cockpits fechados para melhorar a segurança do piloto e tecnologias de energia híbrida”, disse o engenheiro.
 

(function(d, s, id) { var js, fjs = d.getElementsByTagName(s)[0]; if (d.getElementById(id)) return; js = d.createElement(s); js.id = id; js.src = “//connect.facebook.net/pt_BR/sdk.js#xfbml=1&version=v2.3”; fjs.parentNode.insertBefore(js, fjs);}(document, ‘script’, ‘facebook-jssdk’));

E Bruno Senna acha que a F1 perdeu o brilho por ser muito previsível. Concorda com…

Posted by Grande Prêmio on Quarta, 2 de dezembro de 2015

PADDOCK GP EDIÇÃO #9: ASSISTA JÁ

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube