Com apenas 0s008 separando os três primeiros, Coletti supera Calado e Nasr e larga na frente em Sepang

O piloto monegasco superou James Calado por 0s004 e Felipe Nasr por 0s008 para largar na pole-position na corrida da abertura da temporada 2013 da GP2 na Malásia. Sam Bird, de volta ao certame, sai em quinto

A temporada 2013 da GP2 começou com a promessa de um duelo emocionante entre James Calado e Felipe Nasr na luta pelo título. E eles corresponderam no treino classificatório, disputado nesta sexta-feira (22), na Malásia, afinal, apenas 0s004 separaram os dois pilotos. O único problema é que faltou combinar com Stefano Coletti que este era um duelo particular. Na tomada de tempo, o monegasco não tomou conhecimento dos rivais e garantiu a pole-position para a primeira corrida do ano ao ser também 0s004 mais rápido que Calado.

Nasr larga em terceiro, com apenas 0s008 separando os três primeiros colocados do grid. O brasileiro, aliás, tinha tudo para conseguir sair da posição de honra, mas acabou travando o pneu dianteiro esquerdo na última curva, perdendo um tempo precioso. A quarta colocação ficou com Fabio Leimer.

Coletti cravou a pole em uma das classificações mais apertadas da história da GP2 (Foto: GP2/LAT Photo)

Sam Bird, o quinto, se envolveu em um dos acidentes mais bizarros do treino. Na volta de desaceleração, o piloto da Russian Time foi empurrado propositalmente por Johnny Cecotto Jr. para fora da pista. Os comissários anunciaram que estão investigando o incidente. Mitch Evans – o melhor entre os estreantes –, Rio Haryanto, René Binder, Simon Trummer e Tom Dillmann completaram o grupo dos dez primeiros.

Confira como foi o treino classificatório da GP2 na Malásia:

Depois de o treino da F1 terminar com pista molhada em Sepang, a definição do grid de largada da categoria de acesso começou com céu aberto, forte calor e sol. Com isso as equipes se dividiram. Algumas rapidamente mandaram os carros à pista, enquanto as outras esperavam o asfalto ficar um pouco mais emborrachado.

Com isso, quem começou na frente foi Stefano Coletti, da Rapax, ao cravar 1min44s861, mas o piloto logo foi superado por Marcus Ericsson, da Dams. Na sequência, quem apareceu na frente foi o veterano Sam Bird, que retorna à GP2 depois de passar o último ano competindo na World Series.

O britânico, porém, acabou batido por Felipe Nasr, por 0s089. Julián Leal, por outro lado, não conseguiu superar o brasileiro ao quase escapar na última curva. Enquanto isso, os dois pilotos da ART – Calado e Daniel Abt – continuavam parado nos boxes, esperando os adversários gastarem pneus e a pista se emborrachar.

O brasileiro conseguiu melhorar a marca na volta seguinte, mas cometeu um pequeno erro. Esse tempo acabou sendo precioso, já que Fabio Leimer assumiu a pole provisória por apenas 0s104.

Com 15 minutos para o fim da classificação, foi a vez dos carros da ART entraram na pista. E logo Calado mostrou que não é favorito por acaso, obtendo a segunda colocação, mesmo depois de ter cometido dois erros durante a tomada de tempo.

Nasr garantiu o terceiro lugar do grid e ficou a apenas 0s008 do tempo do pole (Foto: GP2/LAT Photo)

Quem pulou para a ponta foi Stefano Coletti, que voltou à pista depois das voltas iniciais. O monegasco mais uma vez deu uma escapada, mas conseguiu assumir o comando da atividade. Faltando cinco minutos para o fim do treino, Felipe Nasr voltou à pista e quase conseguiu recuperar a ponta, ficando apenas 0s008 atrás do adversário.

No último instante do treino, James Calado veio em uma volta voadora e fez de tudo para garantir a pole. Entretanto, o britânico ficou apenas 0s004 atrás de Coletti e foi obrigado a se contentar com o segundo posto, derrubando Nasr para terceiro.

Um episódio que vai requerer maior atenção, sobretudo dos comissários, envolveu Johnny Cecotto Jr. e Sam Bird. Este acabou bloqueando a volta rápida do concorrente no fim do treino, sem propósito, mas acabou vendo um revide absurdo: o venezuelano empurrou o inglês para fora da pista abrupta e deliberadamente entre as curvas 6 e 7 da pista malaia. É bem provável que Cecotto leve uma punição brava.

GP2, GP da Malásia, Sepang, corrida 1, grid de largada:

1 Stefano COLETTI MCO Rapax   1:44.280  
2 James CALADO ING ART   1:44.284 +0.004
3 Felipe NASR BRA Carlin   1:44.288 +0.008
4 Fabio LEIMER SUI Racing Engineering   1:44.463 +0.183
5 Sam BIRD ING Russian Time   1:44.598 +0.318
6 Mitch EVANS NZL Arden   1:44.618 +0.338
7 Rio HARYANTO INA Addax   1:44.681 +0.401
8 Simon TRUMMER SUI Rapax   1:44.687 +0.407
9 René BINDER AUT Lazarus   1:44.687 +0.407
10 Tom DILLMANN FRA Russian Time   1:44.731 +0.451
11 Julián LEAL COL Racing Engineering   1:44.732 +0.452
12 Sergio CANAMASAS ESP Caterham   1:44.761 +0.481
13 Marcus ERICSSON SUE Dams   1:44.766 +0.486
14 Johnny CECOTTO JR VEN Arden   1:44.788 +0.508
15 Adrian QUAIFE-HOBBS ING MP   1:45.191 +0.911
16 Stéphane RICHELMI MCO Dams   1:45.262 +0.982
17 Conor DALY EUA Hilmer   1:45.289 +1.009
18 Nathanael BERTHÖN FRA Trident   1:45.378 +1.098
19 Kevin CECCON ITA Trident   1:45.491 +1.211
20 Ma QING HUA CHN Caterham   1:45.497 +1.217
21 Daniel DE JONG HOL MP   1:45.522 +1.242
22 Daniel ABT ALE ART   1:45.593 +1.313
23 Jolyon PALMER ING Carlin   1:45.662 +1.382
24 Jake ROSENZWEIG EUA Addax   1:45.708 +1.428
25 Pål VARHAUG NOR Hilmer   1:45.830 +1.550
26 Kevin GIOVESI ITA Lazarus   1:45.985 +1.705

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube