Alesi vende Ferrari de R$ 6 milhões para bancar carreira do filho rumo à F1

O automobilismo é um esporte de alto custo e Jean Alesi sentiu isso na pele. O ex-F1 criticou fortemente a Fórmula 2 por conta dos gastos necessários para uma temporada

Jean Alesi teceu duras críticas ao atual modelo de negócio da Fórmula 2. O ex-Fórmula 1 destacou os altos custos da categoria e chegou a revelar que teve de vender uma Ferrari para conseguir o orçamento para seu filho Giuliano.

O jovem competidor fez sua estreia na categoria de base no último ano, pela Trident. Piloto da Academia da Ferrari, teve uma quinta colocação como melhor resultado, terminando o campeonato na 15ª colocação. Em 2020, mudou para a HWA.

Entretanto, a família Alesi mostrou não ser fácil se manter dentro da categoria. Jean, inclusive, afirmou a venda de sua Ferrari F40 para conseguir cobrir o filho. No mercado de carros usados, o valor chega a €1 mi [cerca de R$ 5.6 mi], enquanto uma temporada na F2 pode ser de €1.8 mi [algo em torno de R$ 10 mi].

Giuliano Alesi, Fórmula 2, Ferrari

“Primeiro de tudo, neste ano, na F2, vai ser um pesadelo por conta de todas essas corridas juntas. Conversamos sobre teto orçamentário, mas nada para a Fórmula 2, não mudaram o preço da taxa de nada. Então, tenho certeza que muitos pilotos não terminarão a temporada e vai ser desastroso tanto para a F2 quanto Fórmula 3”, disse em entrevista ao Sky Sports F1.

“Espero que essa grande bagunça mude alguma coisa e dê a oportunidade para esses pilotos que fazem um grande investimento não apenas do lado financeiro, mas também do lado pessoal, já que deixam a escola, universidade, tudo pelo sonho de ser um piloto. Ninguém está olhando por eles”, seguiu o ex-piloto.

“Estou muito triste sobre isso porque sou um ex-piloto de Fórmula 1, tenho conexões, mas tive de vender minha Ferrari F40 para conseguir o orçamento para meu filho correr na categoria. E por quê? Porque é quase uma missão impossível encontrar um patrocinador”, emendou o francês.

“No meio tempo, na sua frente, você tem o preço das coisas  – tudo muito caro e ninguém quer mudar isso. Então não vai durar para sempre”, completou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube