Com mão na taça, De Vries leva pole da F2 em Sóchi. Sette Câmara é 6º

Nicholas Latifi chegou a parecer capaz de derrotar Nyck de Vries na briga direta pela pole-position. Só que a história que se viu foi a mesma da temporada 2019 inteira: o holandês tirou um coelho da cartola, levou a pole e os pontos de bonificação

O título de Nyck de Vries na Fórmula 2, que já parecia próximo, ficou ainda mais após a classificação desta sexta-feira (27) em Sóchi. O piloto holandês foi o mais rápido na definição do grid, dando um novo golpe em Nicholas Latifi, que chegou a parecer ter tudo sob controle. Dessa forma, Nyck garante tanto a vantagem de largar à frente do principal rival pelo caneco quanto 4 pontos a mais na classificação do campeonato.
 
Latifi, desse jeito, precisa se contentar com o segundo lugar no grid. Callum Illott e Luca Ghiotto ficam na segunda fila, quase superando o canadense. Guanyu Zhou larga em quinto.
 
Sérgio Sette Câmara larga em sexto. O brasileiro chegou a parecer capaz de brigar por uma posição melhor, mas teve dificuldades – uma das voltas rápidas do piloto, por exemplo, foi prejudicada por uma grande travada de pneus na curva 13.
F2)" />
Nyck de Vries é pole em Sóchi (Foto: FIA F2)

A sessão ficou marcada pela incerteza a respeito da chuva. A meteorologia oficial da FIA registrava 60% de chances de chuva, que as equipes temiam chegar até mesmo dez minutos após o começo da classificação. Nada disso aconteceu: apesar de uma garoa das mais leves no meio da sessão, o grid foi definido com asfalto seco.

Saiba como foi a classificação da F2 em Sóchi

A classificação começou já sob a incerteza da chuva. A pista ainda estava seca, mas a garoa se aproximava rapidamente. Algumas equipes afirmavam que a pista poderia começar a molhar apenas dez minutos após a bandeira verde. Desse jeito, não foi surpresa que pilotos tenham se mandado para a pista de imediato.
 
Depois de uma volta para aquecer os pneus, os pilotos pisaram fundo. Nicholas Latifi foi o mais rápido nesse ciclo, superando Nyck de Vries e Callum Ilott. Sérgio Sette Câmara, que chegou a pintar como líder provisório, aparecia em quarto.
 
Após o primeiro ciclo de voltas, algumas equipes começaram a receber informações diferentes sobre a chuva. Algumas acreditavam que a água não viria, enquanto outras seguiam cobrando pressa dos pilotos.
 
A segunda volta com o primeiro set de pneus não mudou o top-2, que ainda tinha Latifi e De Vries. Logo atrás, bastante coisa mudou: Ilott e Sette Câmara erraram em suas voltas, permitindo que Ghiotto subisse para terceiro, 0s2 mais lento.
 
A marca de 15 minutos, que normalmente reserva os pilotos esperando nos boxes pelos momentos finais da sessão, trazia mais apreensão. Matsushita estava na pista para aproveitar a pista ainda seca, isso enquanto De Vries cobrava a ART que era melhor sair dos boxes o mais cedo possível. A equipe não obedeceu, o que significava deixar o rival da Carlin sozinho anotando tempos.

Desse jeito, a classificação correu de forma normal. Os pilotos esperaram o máximo possível, contando com o melhor momento do asfalto.

E quem fez bom uso disso foi De Vries. O holandês superou Latifi por 0s5 na nova volta rápida. O canadense melhorou, mas apenas 0s3. Isso bastou para deixar Nyck na pole mais uma vez na temporada 2019.

F2 2019, Sóchi, grid de largada:

1 N DE VRIES ART 1:47.440  
2 N LATIFI DAMS 1:47.700 +0.260
3 C ILOTT Charouz 1:47.737 +0.297
4 L GHIOTTO UNI-Virtuosi 1:47.767 +0.327
5 G ZHOU UNI-Virtuosi 1:47.843 +0.403
6 S SETTE CÂMARA DAMS 1:48.031 +0.591
7 L DELÉTRAZ Carlin 1:48.188 +0.748
8 N MAZEPIN ART 1:48.226 +0.786
9 J KING MP 1:48.320 +0.880
10 N MATSUSHITA Carlin 1:48.396 +0.956
11 M SCHUMACHER Prema 1:48.444 +1.004
12 J AITKEN Campos 1:48.477 +1.037
13 S GELAEL Prema 1:48.567 +1.127
14 G ALESI Trident 1:48.850 +1.410
15 R BOSCHUNG Trident 1:48.880 +1.440
16 A MARKELOV Arden 1:49.244 +1.804
17 M ISAAKYAN Charouz 1:49.497 +2.057
18 T CALDERÓN Arden 1:50.255 +2.815
19 M SATO Campos 1:50.311 +2.871
20 M RAGHUNATHAN MP 1:51.949 +4.509

 


 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube