F2

De Vries bate Norris e Russell e conquista segunda pole da temporada da F2 na Rússia. Sette Câmara é 8º

Nyck de Vries conquistou a pole-position para a corrida 1 da F2 na Rússia. Nesta sexta-feira (28), o piloto bateu os postulantes ao título George Russell e Lando Norris para abocanhar a posição de honra do grid. Sergio Sette Câmara vai sair em oitavo
Warm Up / Redação GP, de São Paulo
 De Vries conquista pole na Rússia (Foto: Reprodução)
Nyck de Vries fez bonito em Sóchi e agora tem motivos de sobra para comemorar. Nesta sexta-feira (28), o piloto anotou o tempo de 1min46s476 na classificação da F2 para conquistar sua segunda pole-position da temporada.
 
A marca para a posição de honra do grid foi feita quando o piloto calçava o segundo jogo de pneus da sessão. O holandês ainda bateu os postulantes ao título, com Lando Norris saindo em segundo e George Russell conseguindo o terceiro posto de largada.
 
No início da tomada de tempos, Jack Aitken foi o primeiro a deixar os boxes e ir para a pista. Quem o seguiu foram Norris, Sergio Sette Câmara e Russel. O primeiro a se colocar na ponta da tabela, Lando logo tratou de jogá-lo para baixo, pouco antes de George baixar a marca em 0s5.
De Vries conquista pole na Rússia (Foto: Reprodução)
Entretanto, instantes depois, a classificação foi obrigada a ser interrompida por bandeira vermelha. O motivo foi que Arjun Maini acabou rodando e não conseguiu sair sozinho do traçado, precisando de auxilio para deixar a pista.
 
Quando a sessão foi retomada, o pelotão insistiu em seguir com o mesmo jogo de pneus e foi para a pista para uma nova tentativa de voltas rápidas. De Vries chegou a ter um primeiro setor roxo, mas não conseguiu converter em uma pole. Enquanto isso, Russell apenas estendeu sua vantagem, seguindo na ponta por metade da tomada de tempos.
 
Perto do fim, então, os pilotos enfim calçaram borrachas novas, optando pelos supermacios. George foi incapaz de aumentar a distância na liderança, e começou a ver Sette Câmara e Albon ameaçarem sua pole-position provisória.
 
Encaixando uma volta impressionante, De Vries enfim conseguiu tirar George da primeira colocação e se estabeleceu como o mais veloz da classificação no minuto final. O postulante ao título bem que tentou bater o adversário, mas ficou 0s363 atrás.
 
Então, surpreendentemente, Lando também apareceu na briga nos instantes finais. Com um giro arrasador, empurrou o adversário na briga pelo título para a terceira colocação e abocanhou sua primeira fila desde a rodada na Áustria.
 
Nicholas Latifi superou o companheiro Albon para ser o quarto, enquanto Luca Ghiotto ficou logo atrás da dupla e se colocou em sexto. Tadasuke Makino foi o sétimo, com Sette Câmara sendo apenas o oitavo. Aitken e Maximiliam Günther completaram o top-10.