Drugovich brilha com volta impecável e garante pole-position da F2 em Silverstone

Felipe Drugovich brilhou na tarde desta sexta-feira e, com grande volta, assegurou sua primeira pole-position na F2 em corridas principais. Callum Ilott vai dividir a primeira fila, enquanto Mick Schumacher vai largar em terceiro

Felipe Drugovich alcançou outro grande feito em sua ainda curta trajetória na Fórmula 2. Com uma ótima volta na tarde desta sexta-feira (31), em Silverstone, o piloto da MP Motorsport alcançou a pole-position da corrida 1 da etapa da Inglaterra, a quarta do campeonato. O paranaense de Maringá marcou 1min39s527 na sua melhor volta e superou em mais de 0s1 Callum Ilott, da UNI-Virtuosi. Destaque também para Mick Schumacher, piloto da Prema, que fechou o top-3 do grid de largada.

Christian Lundgaard, dinamarquês que defende a ART, vai largar lado a lado com Schumacher em Silverstone, enquanto Nikita Mazepin, da Hitech, abre a terceira fila. Jack Aitken, da Campos, que chegou a ocupar a liderança provisória na classificação, obteve o sexto melhor tempo.

Jehan Daruvala, da Carlin, que chegou a despontar como um dos favoritos à pole, foi o sétimo. O indiano foi seguido por Guanyu Zhou, companheiro de equipe de Ilott na UNI-Virtuosi, enquanto Yuki Tsunoda, que abriu a sessão na frente, foi apenas o nono colocado. Louis Delétraz, da Charouz, foi o décimo.

Felipe Drugovich
Felipe Drugovich alcançou o feito de marcar a pole-position da F2 em Silverstone nesta sexta-feira (Foto: F2/Twitter)

Pedro Piquet, também da Charouz, foi o 14º colocado, enquanto Guilherme Samaia, da Campos, fecha o grid de 22 carros na Fórmula 2.

A corrida 1 da Fórmula 2 em Silverstone está marcada para 11h40 (horário de Brasília) deste sábado e vai ter transmissão ao vivo pelo canal da Fórmula 1 no YouTube.

Saiba como foi o treino classificatório da etapa da Inglaterra da F2

Os primeiros minutos da sessão tiveram como protagonista o japonês Yuki Tsunoda, pupilo da Red Bull e piloto da Carlin. Mas quem chegava à definição do grid de largada em boa condição era Felipe Drugovich, terceiro colocado no treino livre da manhã, só atrás de Tsunoda e o companheiro de equipe do japonês, o indiano Jehan Daruvala.

Tsunoda chegou a ser superado por Louis Delétraz, da Charouz, na primeira parte da classificação, mas retomou a ponta ao registrar 1min40s216. Até que Jack Aitken, companheiro de equipe de Guilherme Samaia na Campos, desbancou o nipônico. O inglês de origem coreana cravou 1min40s211, apenas 0s005 mais rápido que Yuki.

Com a melhora nos tempos, Aitken foi superado por outros dois pilotos: Daruvala, que tomou a liderança com 1min40s140, e Christian Lundgaard, da ART Grand Prix, somente 0s056 mais lento que o indiano.

Na primeira metade da sessão, Drugovich era o brasileiro melhor colocado e vinha em oitavo com a MP Motorsport, enquanto Pedro Piquet aparecia em P12 com o carro da Charouz e Guilherme Samaia era o 21º. Em último, Roy Nissany, da Trident, rodava com o seu carro em alta velocidade e, por muito pouco, não provocou um acidente mais sério. Antes, o israelense quase se chocou com Mick Schumacher, da Prema.

Com cerca de 10 minutos para o fim da sessão, os pilotos voltaram à pista para as tentativas finais de volta rápida. Antes, chamava a atenção a posição do atual líder do campeonato, Robert Shwartzman. O russo aparecia somente em 13º com o carro #21 equipe da Prema.

Na volta de aquecimento dos pneus, Shwartzman fez o zigue-zague e provocou situação de perigo para Sean Gelael, da DAMS, que vinha logo atrás. O incidente foi investigado pela direção de prova.

Felipe Drugovich tirou um coelho da cartola e levou a pole-position em Silverstone (Foto: Reprodução/TV)

Logo em seguida, Felipe Drugovich tomou a pole provisória com uma grande volta feita em 1min39s527 e foi pouco mais de 0s1 mais rápido que Callum Ilott, da UNI-Virtuosi. Nikita Mazepin, da Hitech, melhorou seu tempo, mas também não conseguiu superar o brasileiro, subindo assim para terceiro. O russo, no entanto, foi batido por Schumacher, que avançou ao top-3.

Daí em diante, restaram menos de cinco minutos para que os concorrentes diretos pudessem tentar superar o paranaense e garantir a pole. Mas ninguém conseguiu alcançar Drugovich, que, assim, alcançou sua primeira pole-position em corridas principais na Fórmula 2.

Fórmula 2 2020, Silverstone, corrida 1, grid de largada:

1F DRUGOVICHMP 1:39.527 
2C ILOTTUNI-Virtuosi1:39.666+0.139
3M SCHUMACHERPrema1:39.761+0.234
4C LUNDGAARDART1:39.846+0.319
5N MAZEPINHitech1:39.963+0.436
6J AITKENCampos1:40.082+0.555
7J DARUVALACarlin1:40.140+0.613
8G ZHOUUNI-Virtuosi1:40.180+0.653
9Y TSUNODACarlin1:40.216+0.689
10L DELÉTRAZCharouz1:40.324+0.797
11N MATSUSHITAMP1:40.347+0.820
12D TICKTUMDAMS1:40.396+0.869
13L GHIOTTOHitech1:40.421+0.894
14P PIQUETCharouz1:40.443+0.916
15M ARMSTRONGART1:40.448+0.921
16S GELAELDAMS1:40.476+0.949
17M SATOTrident1:40.958+1.431
18R SHWARTZMANPrema1:41.047+1.520
19R NISSANYTrident1:41.052+1.525
20G ALESIHWA1:41.274+1.747
21A MARKELOVHWA1:41.342+1.815
22G SAMAIACampos1:42.204+2.443
Paddockast #72 | OS CARROS MAIS DOMINANTES DA HISTÓRIA DA F1
Ouça também: PODCASTS APPLE | ANDROID | PLAYERFM

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube