Ghiotto vê “chance muito boa” e planeja trocar monopostos por turismo e endurance

Brigando pelo vice-campeonato na Fórmula 2, Luca Ghiotto fez sua estreia no WEC nas 6 Horas de Fuji, e já planeja encerrar a carreira nos monopostos para competir no turismo e no endurance. Italiano gostou do desempenho da Team LNT no Japão

Brigando pelo vice-campeonato da Fórmula 2, o italiano Luca Ghiotto planeja encerrar a carreira nos monopostos para focar completamente no endurance. No último fim de semana, o piloto fez sua estreia pelo WEC nas 6 Horas de Fuji, competindo no Ginetta #5 da Team LNT.
 
A estreia não teve um resultado positivo, já que o time composto por Ben Hanley e Egor Orudzhev ficou apenas com o 11º lugar no geral, depois de um problema nos freios durante o stint de Hanley, mas a experiência animou Ghiotto, que planeja permanecer competindo no endurance.
 
"Depois de quatro anos na F2, eu precisaria encontrar uma oportunidade muito boa, sem ser isso, é hora de olhar para algo diferente. Por isso estou em Fuji, porque gosto do campeonato, mas olho para todas as categorias com um teto, isso inclui o DTM, mas sei que é difícil chegar lá. Tem o Super GT no Japão. Por que não?", declarou o italiano ao site ‘Motorsport.com’, também abrindo portas para o turismo.
Fórmula 2)" />
Luca Ghiotto (Foto: FIA Fórmula 2)
Ghiotto tem boas chances de aparecer na próxima etapa do WEC, as 4 Horas de Xangai. O italiano também deve competir em outra prova da temporada, e elogiou o ritmo do carro no último fim de semana, especialmente com o lastro de punição.
 
"Estávamos em uma boa posição para brigar com a Rebellion. Perdemos tempo no começo por um problema na pressão dos pneus que o Egor largou. Eu e Ben recuperamos. Estava bom, mas estas coisas acontecem. Acho que o ritmo era bom, considerando os 36kg de lastro que a Rebellion não tinha, então foi bom", concluiu.
 
Paddockast #36
O MELHOR PILOTO SEM VITÓRIA NA F1

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube