Punido, Sirotkin coroa recuperação com ultrapassagem sobre Marciello e vitória na corrida 1 da GP2 em Hockenheim

Sergey Sirotkin recebeu um drive-through por conta de uma parada durante safety-car virtual. Mesmo caindo para quinto, o russo fez ultrapassagem atrás de ultrapassagem e levou a vitória na corrida 1 da GP2

Sergey Sirotkin foi punido, mas conseguiu dar a volta por cima na corrida 1 da GP2 em Hockenheim, neste sábado (30). O russo recebeu um drive-through após fazer um pit-stop durante um safety-car virtual, caindo para quinto. A volta por cima veio: encaixando uma ultrapassagem atrás da outra, o russo retomou a liderança e venceu a segunda em 2016.
 
A grande ultrapassagem veio com seis voltas para o fim, quando Sirotkin superou Raffaele Marciello. O italiano ainda perderia mais duas posições: uma para o compatriota Luca Ghiotto, que terminou em segundo, e outra para Pierre Gasly, que tomou o terceiro lugar literalmente sobre a linha de chegada.
Sergey Sirotkin venceu a corrida 1 (Foto: GP2)
A corrida teve uma boa dose de acidentes. Ao todo, foram três safety-cars virtuais, consequência de toques mais sutis entre os pilotos.
 
A corrida 2 da GP2 será disputada neste domingo (31), imediatamente antes do GP da Alemanha de F1.
 
Saiba como foi a corrida 1 da GP2 em Hockenheim
 
A largada em Hockenheim foi um pouco caótica. Sergey Sirotkin sustentou a liderança, enquanto Pierre Gasly fazia uma largada horrível – de segundo, caiu para 12º. Raffaele Marciello herdou a segunda posição, com Oliver Rowland, Alex Lynn e Norman Nato fechando o top-5.
 
Com três voltas completas, os dois primeiros já começavam a abrir. Sirotkin vinha segurando Marciello, que aparentava ter mais ritmo. O piloto italiano assumiu a liderança já na volta 4, tratando logo de abrir alguma vantagem. Mais um pouco e Lynn ultrapassou o russo.
 
Na volta 7, o primeiro pit: Rowland trocou os pneus, encaixou os médios e voltou à pista.
 
Enquanto isso, Artem Markelov aprontava das suas. O russo encheu a traseira de Jordan King, praticamente acabando com a corrida de ambos. O safety-car virtual foi necessário, mesmo que brevemente. Na relargada, Sirotkin começou a ficar para trás. O piloto da ART perdeu duas posições rapidamente, uma para Latifi e outra para Nato.
 
Mais duas voltas e outro safety-car virtual foi necessário. Daniel De Jöng e Sean Gelael se bateram no hairpin, ficando parados no meio da pista. Sirotkin fez um pit-stop durante a intervenção, caiu apenas para quinto, e passou a ser investigado pela direção de prova.
 
Com 9 voltas completas, o top-5 era formado por Marciello, Lynn, Latifi, Nato e Sirotkin.
 
Mais atrás, Gasly fazia uma corrida de recuperação. Depois de ultrapassar Mitch Evans, o francês passou a aparecer em oitavo. Muito mais atrás, Antonio Giovinazzi não ia além do 17º lugar.
 
14 voltas já haviam sido completadas quanto Marciello foi aos boxes, caindo para 13º. Lynn assumiu a liderança provisória e via uma disputa das boas logo atrás: Latifi tentava segurar Nato e Sirtokin, mas acabou perdendo posição para os dois. Laitifi, na verdade, estava despencando.
 
Chegava a volta 20 e Lynn teimava em não parar. Sirotkin, já sem obrigação de parar, vinha apenas 1s atrás. Apenas uma punição seria capaz de tirar a vitória do russo, pelo andar da carruagem. Tanto que Sirotkin assumiu a liderança na pista, ultrapassando Lynn, mesmo já tendo feito um pit.
 
Lynn foi aos boxes na volta 24, caindo para oitavo. Assim, Gasly saltava para segundo, ainda precisando de um pit-stop. Marciello, outrora líder, era o quarto.
 
A infração de Sirotkin cobrou seu preço na volta 27. O russo da ART foi obrigado a fazer mais uma passagem pelos boxes, caindo para quarto. Com todos os pit-stops já realizados, Maricello voltava a ser líder.
 
Agora precisando dar a volta por cima, Sirotkin foi para o ataque. O russo ultrapassou ambos Rowland e Ghiotto em um curto espaço de tempo, tomando o segundo lugar.
PADDOCK GP #39 DEBATE F1 E MOTOGP COM CONVIDADO ALEX BARROS

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)<0?n+="px":n,cc.style.display="",s2.width=n,window.frameElement&&(s1.height=c2.offsetHeight+5+"px"),t=500,s1.width="100%"}rs(t)},200)}var c1=window.frameElement?window.frameElement:document.getElementById("crt_ftr"),c2=document.getElementById("crt_ftr"),s1=c1.style;s1.position="fixed",s1.bottom="-4px",s1.left="0px",window.frameElement&&(s1.height="0"),c2.style.textAlign="center",s1.zIndex="60000";var cc=document.getElementById("crt_cls"),s2=cc.parentNode.style;cc.onclick=function(){s1.display="none"};var t=0;rs(0);

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth < 970) ? 302357 : 302359;
document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube