Reserva da Haas, Ferrucci é suspenso por duas etapas na F2 por bater de propósito em companheiro Maini

Santino Ferrucci se irritou e deu um totó na traseira de Arjun Maini ao fim da corrida 2 da F2 em Silverstone. Pelo incidente proposital, Ferrucci perde as rodadas duplas de Hungaroring e Spa-Francorchamps. Curiosamente, os dois são reservas da Haas

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Santino Ferrucci vai perder duas etapas da temporada da F2 – e pelo pior motivo possível. O americano foi considerado culpado por bater no companheiro Arjun Maini logo após a bandeira quadriculada da corrida 2 em Silverstone, neste domingo (8). Por causar um acidente intencional, Ferrucci está proibido de participar das rodadas duplas de Hungaroring e Spa-Francorchamps.

 
“Após o contato com Maini na volta de retorno aos boxes, ficou determinado que Ferrucci bateu de forma deliberada no companheiro de equipe, infringindo o Regulamento Esportivo”, disse a F2, através de comunicado. “Após os comissários ouvirem da equipe que foi um acidente premeditado, Ferrucci foi chamado para ser ouvido, mas se recusou a atender. Como consequência, o americano está suspenso das próximas duas etapas da FIA Formula 2, perdendo as corridas de Budapeste e Spa-Francorchamps, e recebendo uma multa de € 60 mil [R$ 272 mil]."

Santino Ferrucci atinge Arjun Maini por trás (Foto: Reprodução/Twitter)

Ferrucci estava irritado com a postura de Maini ao longo da prova, por incidentes ainda não esclarecidos. O americano tocou de leve na traseira do indiano, que reagiu pelo rádio dizendo que o companheiro “não tem cérebro” e “deveria ser banido”.

 
Ferrucci, americano, é piloto reserva da Haas na F1. Como titular, o piloto disputa a segunda temporada na F2, tendo um sexto lugar como melhor resultado. Santino também participou da rodada dupla de Detroit da Indy, substituindo o machucado Pietro Fittipaldi. Curiosamente, Maini também é reserva da Haas, ganhando manchete recentemente por gritar via rádio que “não quer mais correr” na F2.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube