De ponta a ponta, Robe fatura vitória categórica em Cascavel. Di Mauro abandona e embola campeonato

Gabriel Robe partiu na pole e só não liderou a prova durante a janela para o pit-stop obrigatório. Luca Milani aproveitou a boa fase e conquistou o terceiro pódio consecutivo, com local Gustavo Myasava, Edson Coelho e Gustavo Frigotto completando o top-5. Gaetano di Mauro abandonou a prova por conta de um pneu furado, mas segue líder do campeonato

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Depois de cravar a pole e enfiar uma avenida no segundo colocado durante a tomada de tempos na manhã deste sábado (10), Gabriel Robe se fez valer de sua superioridade para vencer a primeira corrida do Brasileiro de Turismo neste fim de semana em Cascavel, mesmo com uma intervenção do safety-car no fim da prova.

 
Robe foi absoluto na corrida e só deixou de liderar quando teve de realizar sua parada nos boxes obrigatória. O domínio foi tanto que o gaúcho nem precisou forçar o equipamento para vencer e recebeu a bandeira quadriculada com a prova neutralizada. 
 
“Essa vitória é muito boa para nós porque tínhamos carro para conquistar coisas melhores nas outras etapas. Lavamos a alma e espantamos o azar e agora é focar na corrida de amanhã para sair de Cascavel com maior número de pontos e começar essa escalada na tabela de classificação”, declarou o piloto da Motortech.
Gabriel Robe lidera o pelotão do início ao fim em Cascavel (Foto: Fernanda Freixosa/Vicar)
Luca Milani, em seu terceiro pódio consecutivo (mas o segundo de verdade, uma vez que ele acabou punido em Santa Cruz do Sul e perdeu o P2 na ocasião), foi o segundo colocado após travar uma boa disputa com Gustavo Myasava. Edson Coelho e Gustavo Frigotto, dois veteranos da categoria, completaram o pódio.
 
No entanto, mais importante foi o fato de Gaetano di Mauro, o líder do campeonato, abandonar com cinco voltas para o fim por conta de um pneu dianteiro direito furado, enquanto seus rivais Frigotto e Pietro Rimbano, o sexto na corrida, pontuaram e embolaram de vez a briga pelo título. 
Gaetano di Mauro lamenta o pneu furado que lhe tirou a chance de marcar pontos (Foto: José Mário Dias/Shell Racing)
Na classificação atualizada do campeonato, Di Mauro, que corre com 80 kg de lastro justamente em razão da sua posição no campeonato, figura com 51 pontos, três a mais em relação ao segundo colocado, Frigotto, enquanto Rimbano e Milani aparecem empatados com 47. Mais atrás, com 41, o vencedor do dia, Robe, surge em quinto.
 
O tira-teima definitivo do fim de semana acontece na manhã de domingo, às 9h45 (de Brasília), com transmissão ao vivo do canal por assinatura SporTV 3.
A NOVA F1 SE APROXIMA MAIS DA INDY. E ÁUDIO EM MÔNACO É PROVA

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube