Rodrigo Baptista fatura primeira vitória na Porsche GT3 Cup na abertura da temporada 2017 em Curitiba

A vitória na primeira corrida da temporada 2017 da Porsche GT3 Cup em 2017 ficou com Rodrigo Baptista. O triunfo veio depois de uma ultrapassagem em cima de Lico Kaesemodel já na metade final da prova. Na última volta, o paranaense acabou sendo superado por Miguel Paludo, campeão geral no ano passado. A vitória na Cup Master ficou com Tom Valle, enquanto na Cup Sport o vencedor foi Marcel Visconde

 

A temporada 2017 da Porsche GT3 Cup começou na manhã deste sábado (18) com a disputa da etapa de Curitiba. A primeira corrida do dia teve o céu nublado, mas pista seca, cenário bem diferente do treino classificatório da última sexta-feira. Lico Kaesemodel largou na pole-position, mas não conseguiu segurar por muito tempo a pressão de Rodrigo Baptista. Dono do melhor rendimento na pista, o piloto fez a ultrapassagem e seguiu rumo à vitória na Porsche GT3 Cup. Na última volta, o campeão geral da Porsche GT3 Cup no ano passado, Miguel Paludo, dono de passagem de destaque na Nascar, também ultrapassou Kaesemodel para terminar em segundo. Lico completou o top-3.

 
Na classe Cup Master, quem venceu foi o veterano e experiente Tom Valle. Já na Cup Sport, Marcel Visconde comemorou a vitória nesta primeira corrida da rodada dupla de Curitiba. A Porsche GT3 Cup volta logo mais, no começo da tarde deste sábado, para o desfecho da primeira etapa da temporada 2017.

window._ttf = window._ttf || [];
_ttf.push({
pid : 53280
,lang : “pt”
,slot : ‘.mhv-noticia .mhv-texto > div’
,format : “inread”
,minSlot : 3
});

(function (d) {
var js, s = d.getElementsByTagName(‘script’)[0];
js = d.createElement(‘script’);
js.async = true;
js.src = ‘//cdn.teads.tv/media/format.js’;
s.parentNode.insertBefore(js, s);
})(window.document);

Rodrigo Baptista em ação na primeira corrida do fim de semana em Curitiba (Foto: Luca Bassani)
Saiba como foi a corrida 1 da Porsche GT3 Cup em Curitiba
 
Com o tempo nublado, mas com a pista seca, a Porsche GT3 Cup abriu a temporada 2017 com a disputa da corrida 1 da etapa de Curitiba na manhã deste sábado. A pole-position ficou com o campeão da Sprint Series em 2016, Lico Kaesemodel. O paranaense teve ao seu lado o jovem Rodrigo Baptista, enquanto na segunda fila largaram JP Mauro e o bicampeão Ricardo Baptista. Já a terceira fila do grid foi composta pelo campeão geral da Porsche GT3 Cup no ano passado, Miguel Paludo, e o experiente Pedro Queirolo.
 
A grande novidade deste ano na Porsche GT3 Cup é a mudança na fornecedora de pneus. Saiu a Yokohama e entrou a francesa Michelin. A expectativa era ver em como os carros se comportariam com o desempenho dos novos compostos.
 
O grid da corrida 1 foi formado por 20 carros. Na verdade, seriam 21, mas Alceu Feldmann, que figurava na lista de inscritos, não largou nesta manhã. A prova começou com pequenos incidentes na primeira curva envolvendo pilotos como Adalberto Baptista, Cristiano Piquet, Maurizio Billi e Dario Giustozzi, que ficaram pelo caminho. A direção de prova optou por acionar o safety-car para remover os carros e detritos da pista.
 
A relargada foi dada na quarta volta, com Kaesemodel sendo bem pressionado por Rodrigo Baptista. JP Mauro vinha logo atrás, seguido por Ricardo Baptista e Miguel Paludo. Mas logo a prova teria outro incidente no fim da reta envolvendo os pilotos Carlinhos Ambrósio e Márcio Mauro, os dois da Cup Master. Pedro Queirolo também tinha prejuízo com o pneu traseiro esquerdo furado em razão de detritos na pista.
Kaesemodel largou na pole, mas foi superado por Baptista e Miguel Paludo (Foto: Luca Bassani)
Quando restavam menos de dez minutos para o fim da prova, a prova teve a segunda relargada, com Kaesemodel novamente muito pressionado por Baptista e JP Mauro vindo atrás. Mas Lico conseguiu controlar a pressão e fez o S logo após a reta dos boxes em primeiro. Mas, na entrada do miolo, Baptista colocou seu carro por dentro e conseguiu fazer a ultrapassagem. Ricardo Baptista também conseguiu fazer a ultrapassagem e subiu para terceiro. JP Mauro caiu para quinto após ter sido superado também por Miguel Paludo.
 
Rodrigo Baptista fazia valer o melhor rendimento do seu Porsche #3 e logo abria vantagem para Kaesemodel. Ricardo Baptista vinha logo atrás, mas acabou sendo superado por Paludo e JP Mauro. O primeiro colocado na Master era o veterano Tom Valle, enquanto o líder da Cup Sport era Marcel Visconde. Lico passava a sofrer com a intensa pressão de Paludo, enquanto Rodrigo Baptista estava cada vez mais confortável na liderança.
Rodrigo Baptista comemora a vitória na primeira corrida da temporada 2017 da Porsche GT3 Cup (Foto: Luca Bassani)
Na volta 14, Rodrigo Baptista cravava a melhor marca de toda a corrida: 1min20s751 e caminhava para a vitória. No giro seguinte, o dono do carro #3 abria a última volta da prova. Em segundo, Kaesemodel era quem tinha de lidar com a pressão fortíssima de Paludo. JP Mauro acompanhava de perto a batalha entre os dois campeões. No fim das contas, Rodrigo Baptista venceu com sobras, enquanto Paludo conseguiu superar Lico para faturar o segundo lugar na prova de abertura da temporada neste sábado.
 
JP Mauro terminou em quarto lugar, à frente do bicampeão Ricardo Baptista. Werner Neugebauer acabou em sexto, enquanto Tom Valle foi o melhor na classe Cup Master e sétimo no geral. Na classe Cup Sport, a vitória ficou com Marcel Visconde, oitavo no geral. Guilherme Figueroa, segundo na Cup Master, e Fernando Fortes, que ficou em segundo na Cup Sport, completaram o rol dos dez primeiros colocados na classificação geral. 14 carros chegaram ao fim da primeira corrida da Porsche GT3 Cup deste sábado em Curitiba.

PADDOCK GP #69 DEBATE ABERTURA DA INDY, TESTES DA F1 E MOTOGP E LEMBRA JOHN SURTEES

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)<0?n+="px":n,cc.style.display="",s2.width=n,window.frameElement&&(s1.height=c2.offsetHeight+5+"px"),t=500,s1.width="100%"}rs(t)},200)}var c1=window.frameElement?window.frameElement:document.getElementById("crt_ftr"),c2=document.getElementById("crt_ftr"),s1=c1.style;s1.position="fixed",s1.bottom="-4px",s1.left="0px",window.frameElement&&(s1.height="0"),c2.style.textAlign="center",s1.zIndex="60000";var cc=document.getElementById("crt_cls"),s2=cc.parentNode.style;cc.onclick=function(){s1.display="none"};var t=0;rs(0);

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth < 970) ? 302357 : 302359;
document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube