Ainda emocionado, Chilton lembra Bianchi após primeira vitória na Indy Lights: “Dedico novamente a Jules”

Max Chilton deu sequência ao bom ritmo apresentado no treino classificatório de venceu a etapa de Iowa da Indy Lights. O bom momento do bretão coincide com o fim da luta de Jules Bianchi, seu ex-companheiro, contra os severos traumas sofridos no GP do Japão de 2014: “Ele teria feito uma corrida perfeita”

O excelente momento de Max Chilton na Indy Lights, que contou com sua primeira pole e vitória no certame, neste sábado (18) em Iowa, contrasta com o final de semana difícil vivido pelos fãs do esporte a motor. As memórias de Jules Bianchi, que sucumbiu nesta sexta-feira (17) aos traumas sofridos no GP do Japão de 2014, estão mais vivas do que nunca.
 
Chilton foi companheiro de Bianchi em 2013 e 2014, na curta carreira do britânico na F1, sempre correndo com a Marussia. Constantemente batido pelo francês, Max disse que os bons resultados deste final de semana não seriam possíveis sem as lições do companheiro de equipe.
Max Chilton fez pole e venceu em Iowa, em meio à tragédia pessoal de Jules Bianchi (Foto: Indy Lights)
Feliz com o resultado, mas ainda tocado pelos eventos recentes, Chilton deu a entender que se estivesse correndo contra Bianchi na Lights, não teria saído vencedor.
 
“Dedico isso novamente a Jules. Eu não estaria aqui se ele tivesse feito uma corrida perfeita, como sempre”, lembrou Chilton.
 
Max teve uma prova difícil. Constantemente ameaçado pelo companheiro de equipe Ed Jones, o ex-piloto da Marussia não teve vida fácil em Iowa.
 
“Foi simplesmente perfeito. Créditos para a equipe, eles me deram o carro para fazer isso. Tivemos umas dez voltas bem agitadas no meio da prova por causa do tráfego. Fiquei um pouco frustrado, não estou acostumado a ser preso por retardatários. Mas quando eu comecei a pegar ar limpo eu tive um carro perfeito, era só seguir liderando”, contou.
 
Agora com uma vitória no bolso, Chilton fica no aguardo da etapa de Mid-Ohio, a próxima do calendário da Lights, a ser disputada na primeira semana de Agosto.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube