Alonso agradece a “brilhante treinador” De Ferran e exalta aprendizado na Indy: “Fez de mim um piloto melhor”

No seu último discurso no evento que fechou as 500 Milhas de Indianápolis, Fernando Alonso rasgou elogios aos “pilotos talentosos” da Indy e agradeceu a cada membro do seu staff neste intenso mês de maio, sobretudo ao brasileiro Gil de Ferran, responsável por lhe ensinar os segredos do desafiador e icônico circuito oval

window._ttf = window._ttf || [];
_ttf.push({
pid : 53280
,lang : ‘pt’
,slot : ‘.mhv-noticia .mhv-texto > div’
,format : ‘inread’
,minSlot : 1
,components : { mute: {delay :3}, skip: {delay :3} }
});

(function (d) {
var js, s = d.getElementsByTagName(‘script’)[0];
js = d.createElement(‘script’);
js.async = true;
js.src = ‘//cdn.teads.tv/media/format.js’;
s.parentNode.insertBefore(js, s);
})(window.document);

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Tão logo encerrou sua participação nas 500 Milhas de Indianápolis, Fernando Alonso desceu do seu carro com uma certeza: de que se tornou um piloto muito melhor depois do intenso último mês de maio. O espanhol viveu uma experiência única na carreira e teve a chance de conhecer um novo mundo, novos amigos e pode ver que há muita vida fora da F1. Diante de todos os pilotos no jantar de gala que encerrou oficialmente o cronograma das 500 Milhas de Indianápolis de 2017, Alonso expressou toda a sua gratidão: desde Gil de Ferran, contratado para lhe ensinar os segredos do ‘Brickyard’, passando pelos pilotos da Indy e até à sua assessora de imprensa.

 
“Foi um privilégio e uma honra participar desta corrida emblemática, quero agradecer a todos que tornaram isso possível”, discursou o bicampeão mundial.
 
“Obrigado a todos os pilotos. Estou feliz por ter encontrado alguns grandes amigos e pessoas deste lado do Atlântico. São muito talentosos. Vi tantos vídeos no YouTube antes de vir para cá e correr essas duas semanas juntos. Aprendi muito com cada um de vocês, tanto que fizeram de mim um piloto melhor hoje, não só nas corridas ovais, de modo que agradeço, caras”, comentou.
Fernando Alonso deixa Indianápolis com a certeza de que melhorou como piloto (Foto: IndyCar)
Fernando reservou palavras de carinho a De Ferran, inclusive agradecendo ao seu ‘coach’ em português. “Obrigado a Gil de Ferran, obrigado, meu amigo, meu brilhante treinador, e a Johnny Rutherford, minha namorada Linda, meus fisioterapeutas Fabrizio e Edo, e meu melhor amigo Alberto, que compartilhou desta viagem apaixonante”.

“Silvia, minha assessora de imprensa, que trabalhou comigo nos últimos três anos na McLaren, quero dizer que para ela foram três semanas muito intensas, mas ela curtiu muito. Acho que, para um assessor de imprensa, este evento é como a Disneylândia para qualquer criança, de modo que estou feliz que ela tenha curtido”, acrescentou.

Alonso trocou capacetes com o mentor Gil de Ferran (Foto: Instagram/Fernando Alonso)

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Por fim, Alonso ressaltou a experiência de vida em Indianápolis e aproveitou para estimar melhoras aos dois pilotos que sofreram os acidentes mais graves durante o mês em Indianápolis.

 
“Foi uma experiência incrível que vou levar comigo para sempre. Mal posso esperar para ter meu carro laranja no meu museu na Espanha. Por fim, gostaria de desejar uma pronta recuperação a Sébastien Bourdais, perdemos um grande piloto na pista. Pronta recuperação também a Scott Dixon”, emendou Alonso, que só tem motivos para agradecer. “Obrigado a todos, obrigado, Indianápolis, obrigado, Indy”, encerrou.
 
ALONSO ATINGE NOVO PATAMAR NA HISTÓRIA DO AUTOMOBILISMO NA ESPETACULAR INDY 500

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = ‘ca-pub-6830925722933424’;
google_ad_slot = ‘8352893793’;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(‘crt_ftr’).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(‘cto_ifr’);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(‘px’)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write('’);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube