Castroneves derruba Power no apagar das luzes e comanda quadra da Penske no grid de largada de Elkhart Lake

Helio Castroneves surgiu com o cronômetro zerado para destronar Will Power e, com uma grande volta, puxar a quadra da Penske no grid de largada de Elkhart Lake. Tony Kanaan larga em 16º

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;

O domínio completo da Penske já parecia algo claro em Elkhart Lake desde o TL2, mas ficou ainda maior neste sábado (24). Depois do time repetir a quadra no TL3, a classificação foi tomada de assalto pela equipe, que conseguiu colocar o quarteto todo nas quatro primeiras posições do grid de largada.

Will Power parecia ter a pole na mão. Controlando o Fast Six, que na verdade mais se parecia um Fast Four particular da Penske, o australiano havia cravado um grande tempo, mas, no apagar das luzes, Helio Castroneves surgiu com 1min41s301 e fez sua terceira pole no ano, a 50ª da carreira.

Josef Newgarden não conseguiu ter a mesma performance absurda que os companheiros, mas sobrou no comparativo com Simon Pagenaud. O americano ficou 0s360 acima de Castroneves e 0s378 abaixo do francês, que foi o quarto.

A distância da Penske para a concorrência era mesmo absurda. Scott Dixon, que novamente foi o melhor do resto, terminou impressionante 1s6 atrás de Castroneves, enquanto Graham Rahal ficou disparado em último no grupo dos que chegaram à fase derradeira da classificação.

Max Chilton teve um desempenho bem decente e ficou em sétimo, com Marco Andretti assegurando a oitava posição no grid. James Hinchcliffe e Charlie Kimball completaram o top-10. Tony Kanaan, sem encontrar bom ritmo, sai em 16º.

Helio Castroneves é pole em Elkhart Lake (Foto: IndyCar)

Confira como foi a definição do grid em Elkhart Lake

A classificação da Indy para o GP de Elkhart Lake começou pontualmente às 17h (em Brasília). No primeiro grupo estavam Josef Newgarden, Will Power, Carlos Muñoz, Alexander Rossi, Marco Andretti, Ryan Hunter-Reay, Graham Rahal, Esteban Gutiérrez, Mikhail Aleshin e Max Chilton.

Muñoz e Gutiérrez foram os primeiros que apostaram nos pneus macios e, por isso, começaram bem na tabela de tempos, atrás apenas de um Power que já demonstrava que iria brigar pela pole.

Conforme os pneus macios iam sendo utilizados pelo pelotão, os tempos iam caindo. Power virou 1min42s5, marca que depois foi superada por Newgarden e por ele mesmo, que girou em um incrível 1min41s5.

A Andretti parecia fadada ao fracasso, mas cresceu na hora certa e colocou Hunter-Reay e Marco dentro do grupo dos seis ao lado dos dois da Penske, de Chilton e Rahal. Muñoz bateu na trave, eliminado junto com Rossi, Gutiérrez e Aleshin.

Alexander Rossi parecia que iria longe. Parecia… (Foto: IndyCar)

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

O segundo grupo foi para a pista logo na sequência, com Scott Dixon, Tony Kanaan, Charlie Kimball, Simon Pagenaud, Helio Castroneves, Spencer Pigot, JR Hildebrand, Ed Jones, Conor Daly, Takuma Sato e James Hinchcliffe.

Diferentemente do primeiro grupo, a segunda leva de pilotos rapidamente vestiu os pneus vermelhos. Quem foi puxando a fila foi Dixon, com Pagenaud e Kimball observando próximos.

A Penske deu a cartada final e mexeu totalmente na ordem das posições. Pagenaud tomou a dianteira com 1min41s9, enquanto Castroneves se livrou de uma eliminação no instante derradeiro e virou segundo.

Dixon e Kimball confirmaram as vagas na segunda fase, com Jones surpreendendo em quinto e Hinch mantendo a consistência para ser o sexto. Pigot, que parecia pronto para avançar, ficou de fora junto com Kanaan, Hildebrand, Sato e Daly.

Tony Kanaan ainda não se encontrou em Elkhart Lake (Foto: IndyCar)

A segunda fase da classificação veio cinco minutos depois do fim do Grupo 2 com as quatro Penske, três Ganassi, duas Andretti, uma RLL, uma Schmidt Peterson e uma Dale Coyne.

Jones e Castroneves eram os primeiros a calçar os compostos vermelhos, mas o brasileiro, um pouco mais conservador, esperou que restassem oito minutos para ir à pista e encaixar um grande giro em 1min41s8.

Os que optaram por deixar os pneus macios para o fim só foram aparecer mesmo com o relógio prestes a zerar. A Penske, repetindo o que fez nos treinos livres, conseguiu encaixar uma quadra, com Newgarden, Power e Pagenaud imediatamente abaixo da espetacular marca de Castroneves.

A luta, então, foi pelas últimas duas vagas, com Chilton caindo do grupo dos classificados de última hora, com Dixon e Rahal avançando. O britânico ficou de fora junto com Andretti, Hinch, Kimball, Jones e Hunter-Reay.

Graham Rahal surpreendeu ao avançar (Foto: IndyCar)

O Fast Six parecia, na realidade, se tratar de um Fast Four, já que a pole dificilmente sairia do controle da Penske. Dixon e Rahal completavam a turma, mas deviam travar uma disputa pelo quinto posto em condições normais.

Power foi quem começou puxando a fila e parecia ter estabelecido uma marca imbatível, mas era mesmo o dia de Castroneves. Depois de uma segunda fase perfeita, em que precisou de apenas uma volta para ser o mais veloz, o brasileiro virou 1min41s301 e tirou a pole do companheiro por 0s06.

Newgarden ficou em terceiro em una ilha, bem como Pagenaud, que não foi nem de perto ameaçado por Dixon em quarto. Rahal, muito atrás, foi o sexto.

Indy, GP de Elkhart Lake, Grid de largada:

1 3 Helio CASTRONEVES BRA Penske Chevrolet 1:41.301  
2 12 Will POWER AUS Penske Chevrolet 1:41.361 +0.060
3 2 Josef NEWGARDEN EUA Penske Chevrolet 1:41.661 +0.360
4 1 Simon PAGENAUD FRA Penske Chevrolet 1:42.039 +0.738
5 9 Scott DIXON NZL Ganassi Honda 1:42.931 +1.630
6 15 Graham RAHAL EUA RLL Honda 1:45.046 +3.745
7 8 Max CHILTON ING Ganassi Honda 1:42.757 +1.456
8 27 Marco ANDRETTI EUA Andretti Honda 1:42.861 +1.560
9 5 James HINCHCLIFFE CAN Schmidt Peterson Honda 1:43.211 +1.910
10 83 Charlie KIMBALL EUA Ganassi Honda 1:43.322 +2.021
11 19 Ed JONES ING Dale Coyne Honda 1:43.796 +2.495
12 28 Ryan HUNTER-REAY EUA Andretti Honda 1:43.979 +2.678
13 14 Carlos MUÑOZ COL Foyt Chevrolet 1:42.904 +1.603
14 20 Spencer PIGOT EUA Carpenter Chevrolet 1:42.888 +1.587
15 98 Alexander ROSSI EUA Andretti Honda 1:43.017 +1.716
16 10 Tony KANAAN BRA Ganassi Honda 1:42.908 +1.607
17 18 Esteban GUTIÉRREZ MEX Dale Coyne Honda 1:43.165 +1.864
18 21 JR HILDEBRAND EUA Carpenter Chevrolet 1:42.913 +1.612
19 7 Mikhail ALESHIN RUS Schmidt Peterson Honda 1:43.889 +2.588
20 26 Takuma SATO JAP Andretti Honda 1:43.411 +2.110
21 4 Conor DALY EUA Foyt Chevrolet 1:44.158 +2.857
NOVA DERROTA EM 2017 MOSTRA QUE TOYOTA E LE MANS SÃO COMO ‘ÁGUA E ÓLEO’

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height:

0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe,
.embed-container object, .embed-container embed { position: absolute;

top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube