Franchitti ‘dá balão’ na aposentadoria e vai correr no Festival de Goodwood

Quase seis anos após o acidente de Houston que forçou a aposentadoria, o tetracampeão da Indy anunciou que vai correr as duas primeiras corridas dele nesse período, ambas com carros antigos em Goodwood. Garantiu, porém, que se trata apenas de uma recreação amadora e que não pretende voltar a ser piloto

O tetracampeão da Indy e três vezes vencedor das 500 Milhas de Indianápolis, Dario Franchitti, está de voltas às pistas – de alguma forma. O escocês, que se aposentou depois de um acidente grave, vai participar do Festival de Goodwood, marcado para o fim de semana dos dias 13 a 15 de setembro.
 
Franchitti deixou as pistas em 2013 após um acidente no GP de Houston da Indy em que fraturou vértebras, um tornozelo e ainda sofreu uma concussão, e vai participar de uma corrida pela primeira vez. De lá para cá, realizou poucas atividades atrás de um volante: guiou carro de demonstração antes da Indy 500 e deu algumas voltas de teste no Gen1 da Fórmula E, por exemplo.
Dario Franchitti acompanha as atividades de longe pela primeira vez. A cara de quem tá gostando… (Foto: IndyCar)

"Eu realmente pensei que meus dias de corridas estavam no passado, mas é difícil desistir de uma coisa que foi parte da nossa vida por tanto tempo e que eu amo tanto", disse em comunicado. 

 
"Claro que não será um retorno à linha de frente das competições – nada de Indy 500, então -, estou simplesmente desfrutando de forma amadora do esporte que eu amo", afirmou.
 
Em Goodwood, o ex-piloto de 46 anos vai guiar uma Ferrari 250GT dos anos 1960 no Troféu Kinrara e depois, no Troféu Turista, irá comandar um AC Cobra numa disputa contra nomes como o 'Mr. Le Mans' Tom Kristensen e Emmanuele Pirro.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube