Newgarden supera O’Ward em corrida eletrizante e fatura GP do Texas da Indy

Pelo segundo ano seguido, Josef Newgarden venceu o GP do Texas após uma batalha eletrizante. Bicampeão superou Pato O'Ward e Álex Palou nas voltas finais para sair com o triunfo

O americano Josef Newgarden venceu o GP do Texas da Indy, disputado na tarde deste domingo (2). Em uma das batalhas mais apertadas e eletrizantes dos últimos tempos na categoria, o bicampeão da Penske venceu uma guerra contra o mexicano Pato O’Ward, da McLaren, e o mexicano Álex Palou, da Ganassi, para vencer pela primeira vez em 2023.

Pato, que liderou 91 voltas, assumiu a liderança do campeonato após o segundo pódio seguido, enquanto Palou completou o top-3. David Malukas, com a surpreendente Dale Coyne, foi o quarto colocado, enquanto o hexacampeão Scott Dixon, da Ganassi, fechou o top-5. Scott McLaughlin, da Penske, foi sexto.

Relacionadas


Colton Herta, de Andretti, veio na sétima posição, seguido por Marcus Ericsson, da Ganassi, vencedor em St. Pete. O inglês Callum Ilott, da Juncos, foi o nono colocado, seguido pelo brasileiro Helio Castroneves, da Meyer Shank, que conseguiu grande recuperação após sair de 21º.

A Indy retorna em duas semanas com o tradicional GP de Long Beach, no circuito urbano montado nas ruas da cidade californiana.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

Josef Newgarden (Foto: Chris Jones / Indy)

Saiba como foi o GP do Texas da Indy:

Na largada, Rosenqvist pulou bem e manteve a liderança, mas durou apenas uma volta, com Dixon assumindo a ponta na volta 2 e superado posteriormente por Newgarden na volta 3. O bicampeão da Penske e o hexacampeão da Ganassi começaram a se alternar no primeiro posto nas voltas seguintes. Felix caiu para o quinto lugar.

Pato O’Ward e Álex Palou cresceram na corrida e superaram Dixon, buscando se meter na briga da liderança nas voltas iniciais, agora mais consolidada com Newgarden. Com 25 voltas, o bicampeão estava na ponta, com O’Ward, Palou, Dixon, Rosenqvist, Rossi, Malukas, Grosjean e Herta completando o top-10.

Com 47 voltas, veio a primeira bandeira amarela. Will Power ficou lento e começou a despencar na ordem dos carros. Takuma Sato tentou uma ultrapassagem por fora na saída da curva 2, mas acabou andando alto demais na pista e bateu no muro. Boa parte do pelotão utilizou a oportunidade para ir aos boxes. Rossi, que era quinto colocado, acabou acertando Kyle Kirkwood dentro do pit-lane.

Sato perdeu o controle do carro ao tentar ultrapassagem em Power (Vídeo: Reprodução)

A ordem de relargada tinha Newgarden na ponta, com O’Ward em segundo, Palou em terceiro, Dixon em quarto e Rosenqvist em quinto. Grosjean, Herta, McLaughlin, Ericsson e DeFrancesco completavam o top-10. A bandeira verde veio na volta 60. Quem teve grande embalo foi Álex Palou, superando O’Ward e ameaçando a liderança de Josef, mas sem sucesso. Quem despencou foi Rosenqvist, caindo de quinto para oitavo.

No início da volta 66, Palou finalmente ultrapassou Newgarden e assumiu a liderança. Grosjean superou Dixon e tomou o quarto lugar. Josef se colocou lado a lado com o espanhol, e no início da volta 68, retomou o primeiro posto. Com 75 voltas, Pato superou Palou para retomar o segundo posto. Álex também perdeu posições para Romain Grosjean e Scott Dixon.

O primeiro terço da corrida foi completado com Newgarden na ponta, seguido por O’Ward, Grosjean, Dixon, Palou, Herta, McLaughlin, Rosenqvist, Malukas e Ilott. Com 100 voltas, Kyle Kirkwood teve problemas e precisou levar a Andretti aos boxes.

Quem iniciou o segundo ciclo de pit-stops foi Scott McLaughlin, na volta 109. Quem veio na sequência foi o líder Josef Newgarden. Pato e Palou optaram pelo pit-stop na volta 115. Com todos os pilotos oficialmente com duas paradas, Josef seguia na liderança, com O’Ward em segundo, Grosjean em terceiro, Dixon em quarto e Palou em quinto.

Na volta 130, Pato surpreendeu Newgarden por fora na curva 2 e fez a ultrapassagem pela liderança da corrida. O americano tentou o troco, mas sem sucesso de início, se contentando em ficar atrás no segundo lugar.

A corrida entrou nas 100 voltas finais com O’Ward extremamente dominante. Apenas outros 3 pilotos estavam na mesma volta do mexicano: Newgarden, Grosjean e Palou. Até Scott Dixon, no quinto lugar, levou volta do piloto da McLaren. Nos giros seguintes, apenas Josef ficou na mesma volta de Pato.

O próprio Newgarden foi quem puxou o terceiro ciclo de pit-stop entre os líderes, na volta 165. Pato entrou nos boxes nas voltas seguintes freando bastante na entrada do pit-lane.

A ordem dos pilotos foi reestabelecida após todo mundo ir aos boxes pela terceira vez. O’Ward sustentava 5s para Newgarden e eram os únicos pilotos na volta do líder. Palou era terceiro, seguido por Grosjean, Dixon, Malukas, Herta, Rosenqvist, McLaughlin e VeeKay. Na volta 179, porém, a bandeira amarela resolveu surgir novamente. Pole-position, Felix Rosenqvist acertou o muro na saída da curva 4.

Rosenqvist rodou na curva três e bateu contra o muro no GP do Texas (Vídeo: Indy)

O’Ward e Newgarden aproveitaram a oportunidade para ir aos boxes pela quarta vez. Além deles, apenas Simon Pagenaud, Benjamin Pedersen e Conor Daly repetiram a estratégia. Com todos os pilotos na volta do líder, Newgarden fez um quinto pit-stop para colocar combustível, e o restante do grid fez a quarta parada. Power teve problemas e ficou para trás.

A nova ordem dos pilotos tinham Pato na liderança, com Malukas em segundo, Newgarden em terceiro, Palou em quarto e Grosjean em quinto. Herta, Dixon, McLaughlin, Ericsson e DeFrancesco finalizavam o top-10 no Texas. A relargada veio na volta 194, Josef e Álex tiraram Malukas da frente.

Sem bom ritmo na relargada, O’Ward perdeu a liderança para Álex Palou, que deu um bote duplo ao pular de terceiro para primeiro. Newgarden acabou superando o espanhol para retomar o primeiro posto, enquanto Pato passou a brigar com Malukas e Grosjean para manter o terceiro posto, De repente, os quatro carros estavam na disputa da liderança, e o #10 da Ganassi surgiu à frente de novo.

Colton Herta, que era quinto, veio cortando todo o pelotão e assumiu a liderança na volta 201. O americano da Andretti se segurou ali até a volta 207, quando Pato reassumiu a ponta depois de várias ultrapassagens pelo lado de fora. Palou retomou a liderança em cima do mexicano, até que a bandeira amarela apareceu pela terceira vez no dia, com Sting Ray Robb sofrendo um forte acidente na volta 210.

O’Ward, Newgarden, McLaughlin, Ericsson e Malukas aproveitaram a bandeira amarela para novos pit-stops. Palou tinha a liderança com Grosjean em segundo, Herta em terceiro e Dixon em quarto. Pato voltou em quinto, com Newgarden em sexto.

A relargada aconteceu com 31 voltas para o fim. Grosjean se tocou com Herta, mas foi para cima de Palou e assumiu a liderança da corrida. O sonho do francês durou pouco, já que O’Ward veio em excelente ritmo e tomou a liderança. Porém, nova amarela com 27 voltas para o fim com choque entre Graham e Devlin DeFrancesco.

A ordem da nova relargada tinha O’Ward em primeiro, Palou em segundo, Newgarden em terceiro, Herta em quarto, Malukas em quinto, McLaughlin em sexto, Grosjean em sétimo e Scott Dixon em oitavo. A bandeira verde veio com 12 voltas para o fim. Pato até abriu vantagem inicial, mas não resistiu ao ritmo de Palou e Newgarden, que vieram para as duas primeiras posições.

Com 9 voltas para o fim, Josef ultrapassou Palou por fora na curva 1 e assumiu a ponta. O’Ward utilizou o vácuo para colocar lado a lado com o americano, que fez excelente defesa. O top-6 estava próximo e batalhando pela vitória. Com 3 voltas para o final, O’Ward finalmente conseguiu superar Newgarden, mas durou pouco a festa do mexicano. Josef o superou pela última vez e viu a bandeira amarela surgir com Romain Grosjean para concluir a vitória.

Indy 2023, GP do Texas, Corrida:

1J NEWGARDENPenske Chevrolet2:07:07.265250 voltas
2P O’WARDMcLaren Chevrolet+1.283 
3A PALOUGanassi Honda+1.883 
4D MALUKASDale Coyne Honda+2.117 
5S DIXONGanassi Honda+2.437 
6S MCLAUGHLINPenske Chevrolet+4.135 
7C HERTAAndretti Honda+6.422 
8M ERICSSONGanassi Honda+1 volta 
9C ILOTTJuncos Chevrolet+1 volta 
10H CASTRONEVESMeyer Shank Honda+1 volta 
11R VEEKAYCarpenter Chevrolet +1 volta 
12A CANAPINOJuncos Chevrolet+1 volta 
13E CARPENTERCarpenter Chevrolet +1 volta 
14R GROSJEANAndretti Honda+2 voltas 
15B PEDERSENFoyt Chevrolet+2 voltas 
16W POWERPenske Chevrolet+2 voltas 
17S PAGENAUDMeyer Shank Honda+3 voltas 
18J HARVEYRLL Honda+3 voltas 
19C LUNDGAARDRLL Honda+3 voltas 
20C DALYCarpenter Chevrolet +4 voltas 
21S FERRUCCIFoyt Chevrolet+4 voltas 
22A ROSSIMcLaren Chevrolet+7 voltas 
23D DEFRANCESCOAndretti Honda+29 voltasNC
24G RAHALRLL Honda+31 voltasNC
25S RAY ROBBDale Coyne Honda+42 voltasNC
26F ROSENQVISTMcLaren Chevrolet+73 voltasNC
27K KIRKWOODAndretti Honda+153 voltasNC
28T SATOGanassi Honda+204 voltasNC
Chamada Chefão GP Chamada Chefão GP 🏁 O GRANDE PRÊMIO agora está no Comunidades WhatsApp. Clique aqui para participar e receber as notícias da Indy direto no seu celular! Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.