Green fecha temporada da USF2000 com vitória em Mid-Ohio. Campeão, Porto é 3º

Entre as principais vias de acesso à Fórmula Indy, USF2000 viu Kiko Porto campeão no sábado. Corrida final foi marcada por chuva e acidentes

Com uma primeira volta espetacular, Josh Green pulou da sexta colocação para a liderança e venceu a última etapa da temporada de 2021 da USF2000, em Mid-Ohio, neste domingo (3). Em corrida marcada pela forte chuva e por vários incidentes e bandeiras amarelas, o piloto da Turn 3 Motorsport aproveitou a primeira volta de bandeira verde para subir cinco posições e não ser mais ultrapassado. O título de 2021 ficou com o brasileiro Kiko Porto, que já havia garantido a taça no sábado e terminou na terceira colocação na prova derradeira do campeonato.

Na mesma volta em que Green assumiu a liderança, a bandeira amarela foi acionada novamente, em acidentes separados envolvendo os carros da Pabst Racing e a Force Indy de Myles Rowe. A corrida foi retomada na quinta volta, apenas para a bandeira amarela entrar em ação novamente na curva 2, em incidente entre Kent Vaccaro, que abandonou a corrida, e Jackson Lee, que conseguiu permanecer na pista.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

O brasileiro Kiko Porto foi o campeão da temporada 2021 (Foto: USF2000)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Outros acidentes ainda aconteceram, com Prescott Campbell quebrando a asa dianteira e Bijoy Garg, que provocou nova bandeira amarela depois de rodar na pista.

Apesar das 20 voltas programadas, o alto número de incidentes e bandeiras amarelas fez com que a duração da corrida aumentasse, e para não estourar o limite de tempo, a prova foi encerrada com 15 voltas completadas.

Restando uma volta para o fim, ainda deu tempo de Yuven Sundaramoorthy, vencedor da corrida de sábado, bater em Christian Weir, em novo acidente na curva 2.

Na volta seguinte, a disputa chegou ao fim com Green na primeira colocação, seguido por Nolan Siegel e Kiko Porto, o grande campeão da temporada. Michael d’Orlando, Prescott Campbell (com a asa quebrada), Josh Pierson, Spike Kohlbecker, Thomas Nepveu, Billy Frazer e Andre Castro fecharam o top-10.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar