McElrea passa Kaminsky e vence corrida 1 da USF2000 em Elkhart Lake. Tomaselli é 6ª

A corrida 1 da USF2000 em Elkhart Lake teve a primeira vitória de Hunter McElrea, que entrou na briga pelo título com uma prova mediana de Braden Eves. Bruna Tomaselli foi a sexta colocada e Dudu Barrichello terminou em décimo

A temporada 2019 da USF2000 ganhou um tempero inesperado neste sábado (22). Braden Eves teve a segunda corrida sem vitória no ano e viu o vice-líder Hunter McElrea triunfar, abrindo um pouco mais a disputa pelo título. O neozelandês fez ótima prova e triunfou na corrida 1 em Elkhart Lake.

Colin Kaminsky fez uma ótima corrida, mas não resistiu aos ataques de McElrea e, assim, fechou em segundo, na frente de um Cameron Shields que parece ter virado a chave e crescido bem depois do triunfo no oval de Indiana.

Eves acabou na quarta colocação, salvando ainda alguns pontos para se manter tranquilo na frente no campeonato. Manuel Sulaimán foi bem e ficou com o quinto posto, na frente da brasileira Bruna Tomaselli, que repetiu sua melhor colocação na USF2000 em sexto lugar.

Jak Crawford, Yuven Sundaramoorthy, Reece Gold e Dudu Barrichello completaram o grupo dos dez primeiros colocados na corrida 1.

Hunter McElreavenceu a corrida 1 (Foto: USF2000)

Saiba como foi a corrida 1 da USF2000 em Elkhart Lake

 

A largada da corrida 1 da divisão inferior do Road to Indy foi autorizada pouco depois das 14h (em Brasília), com enrosco logo na partida e Alex Baron e Darren Keane, dois dos primeiros no grid, já ficando pelo caminho.

 
Colin Kaminsky conseguiu escapar e manteve a ponta, já com Hunter McElrea surgindo em segundo e Christian Rasmussen em terceiro. O início foi bom para os brasileiros, com Dudu Barrichello em sétimo e Bruna Tomaselli no nono lugar.
 
Matt Round-Garrido e Anthony Famularo também tinham problemas, enquanto Braden Eves, líder absoluto do campeonato, tentava uma prova de reação.
 
Dudu foi perdendo algum terreno com a prova chegando na metade, mas Bruna seguia firme e já surgia em sétimo, com Eves passando Sulaimán para assumir a quinta colocação. 
 
Quando Kaminsky parecia estar mais confortável na frente, McElrea aproveitou e deu o bote, sem dar direito à resposta, passando para não deixar mais a primeira colocação, abrindo boa margem na frente.
 
Barrichello até chegou a sair do top-10, mas um problema com Rasmussen na última volta mudou tudo. O dinamarquês abandonou, o brasileiro foi para décimo, Bruna entrou no top-6 e Shields ficou com um pódio mais sossegado, mesmo tomando pressão de Eves, que ainda salvou um quarto lugar.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube