O’Ward se distancia de polêmicas da McLaren: “Não é nosso trabalho limpar a bagunça”

O mexicano Pato O'ward comentou as polêmicas recentes envolvendo a McLaren e os pilotos Álex Palou e Oscar Piastri e disse que está tentando abafar todo o barulho internamente na equipe na Indy

PIASTRI DÁ TOCO ‘À PALOU’ NA ALPINE. MCLAREN É ‘FURA-OLHO’? | TT GP #63

A McLaren tem tornado o mercado de pilotos em uma grande novela em 2022. Depois de entrar em uma disputa judicial com a Ganassi pelo atual campeão da Indy, Álex Palou, o time britânico aparece como a principal razão para Oscar Piastri, atual campeão da Fórmula 2, ter rejeitado uma vaga na Alpine. A polêmica envolvendo o jovem australiano reverberou pelo mundo do automobilismo, inclusive com reações de Pato O’Ward e Felix Rosenqvist, pilotos da McLaren na Indy.

Pato e Felix brincaram no Twitter com o comunicado de Piastri. O mexicano brincou com a música “Déjà Vu”, de Olivia Rodrigo, enquanto o sueco disse que teve que checar duas vezes a data para ver se não era 1º de abril. Em entrevista à revista americana Racer, O’Ward, que já disse sonhar com a Fórmula 1, ressaltou que, apesar de fazer parte do quebra-cabeça, já tem sua situação definida após a renovação de contrato.

“Então, eu entendo que sou uma peça do quebra-cabeça de certa forma, mas as minhas coisas com meu novo contrato foram resolvidas há alguns meses. Sinto que minha vida agora é tão calma quanto poderia ser, mesmo com todas as coisas que acontecem ao redor da equipe. Não tem nada a ver comigo. É apenas algo que alguém, que não sou eu, está decidindo brincar”, explicou Pato.

A disputa judicial envolvendo Álex Palou deve chegar ao tribunal federal americano (Foto: IndyCar)

“Em vez de apenas fazer barulho ao redor da equipe, tudo o que estamos tentando fazer é aquietar. E sinto que amadureci de uma maneira que posso acalmar um pouco as coisas, aprendi com minha experiência dos últimos 10 a 12 meses com minhas negociações de contrato. Eu não me sinto nem um pouco incomodado”, ressaltou o mexicano.

A situação gera questionamentos internos no time. Se a McLaren ganhar a ação contra a Ganassi por Palou, é muito provável que Rosenqvist pilote pela equipe na Fórmula E, já que Rossi e Pato estão sob contrato. O’Ward reforçou que tem feito um bom trabalho junto com o sueco para manter a equipe no caminho certo, e não quer limpar uma bagunça que não criou.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

Felix Rosenqvist pode acabar na Fórmula E em 2023 (Foto: IndyCar)

“Acho que a pessoa que toma as decisões sobre quem quer colocar no carro ou não, que é Zak, é totalmente separada da equipe com nossos mecânicos e engenheiros. Nós, eu acho, estamos em uma ótima situação, porque Felix e eu estamos trabalhando muito bem juntos. Estamos desempenhando o melhor que já tivemos. Sinto que estou na melhor fase da minha carreira. Estamos ajudando a equipe a crescer e há total confiança e transparência com Felix e eu trabalhando juntos com nossos engenheiros”, contou o mexicano.

“Já estamos fazendo isso ao manter nossas equipes motivadas, eu e Felix, e estamos tentando fazer o que pudermos para manter todos focados. Não é nosso trabalho limpar uma bagunça que não criamos, mas fazemos parte de uma equipe de corrida e somos pilotos que querem vencer, e esse é o nosso trabalho”, disse O’Ward.

Pato O’Ward ainda sonha com título da Indy em 2022 (Foto: IndyCar)

Com apenas quatro provas restantes no calendário da Indy em 2022, Pato quer manter todos os membros da McLaren focados na busca pelo título inédito e fora das polêmicas fora das pistas. O mexicano ocupa atualmente a quinta posição na classificação, 46 pontos atrás do líder, o australiano Will Power, da Penske.

“Posso dizer que nossas equipes com certeza estão entregando e estamos todos trabalhando muito bem juntos, então isso não é algo que estamos dispostos a sacrificar. Quando você abafa todo o barulho que não é culpa nossa, permite que todos continuem trabalhando como temos feito, sem se preocupar com as outras coisas que continuam surgindo. Sabemos que se preocupar com isso não nos ajudará. Só podemos focar em conquistar o campeonato. É apenas tentar fazer a equipe parecer boa, pelo menos na pista”, concluiu O’Ward.

A Indy retorna neste domingo (7), para o GP de Nashville, 14ª etapa da temporada de 2022, com cobertura completa do GRANDE PRÊMIO.

ANDRETTI VIRA FERRARI DA INDY: HERTA É LECLERC
Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Escanteio SP.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar