Robb e McElrea vencem corridas finais da Pro 2000 em St. Pete

Sting Ray Robb e Hunter McElrea venceram as corridas finais da temporada 2020 da Pro 2000. Canadense Devlin DeFrancesco ficou com o vice-campeonato

A Pro 2000 encerrou a temporada 2020 com duas corridas em St. Pete neste fim de semana. Na primeira prova, vitória do campeão Sting Ray Robb, da Juncos. Na corrida 2, quem levou a melhor foi o neozelandês Hunter McElrea.

Na pole-position na corrida 1, Robb não teve muitas dificuldades para largar bem e criar vantagem sobre os concorrentes. A grande disputa foi pelo segundo lugar, que acabou nas mãos de Danial Frost, à frente do russo Artem Petrov. McElrea foi quarto, seguido por Manuel Sulaimán, Rasmus Lindh, Devlin DeFrancesco, Moisés de la Vara, Colin Kaminsky e Nate Aranda.

Hunter McElrea venceu a corrida 2 (Foto: USF2000)

Robb também largou na pole-position na corrida 2, mas um erro em uma relargada após entrada do safety-car o fez perder posições. Melhor para McElrea, que venceu pela primeira vez na temporada seguido por Kaminsky e Frost no pódio. Rasmus Lindh, Robb, Devlin DeFrancesco, Kory Enders, Nate Aranda, Artem Petrov e Manuel Sulaimán completaram o top-10.

Na classificação final, Robb fechou o campeonato com 437 pontos, 96 à frente do canadense DeFrancesco, que foi vice-campeão. Danial Frost, Artem Petrov e Hunter McElrea fecharam o top-5.

Clube das 300+

A Red Bull é uma das principais equipes dos anos recentes da Fórmula 1, mas também vai ocupando páginas importantes na história da categoria. No GP da Turquia, os austríacos chegam ao marco de 300 corridas na F1, entrando para um seleto grupo.

Ao todo, a Red Bull soma 63 vitórias, 62 poles, 67 voltas mais rápidas, 180 pódios e 17 dobradinhas nas 299 corridas que disputou com 11 pilotos diferentes. Tudo isso, é claro, além dos quatro títulos do Mundial de Pilotos e do Mundial de Construtores, todos entre 2010 e 2013.

No 10+, o GRANDE PREMIUM relembra quais as dez equipes que mais vezes participaram de corridas da F1, um grupo em que a Red Bull, 11ª colocada na lista, está cada vez mais perto de se meter, possivelmente já em 2022.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube