Amcom lidera 500 Milhas de Kart após duas horas. Scuderia GP é 43ª

A Amcom assumiu a dianteira das 500 Milhas de Kart ao final das primeiras duas horas de prova. O time teve o #121 boa parte do tempo na frente, mas foi o #120 quem surgiu após a primeira rodada de paradas

Após um começo bastante conturbado, as 500 Milhas de Kart tiveram minutos mais tranquilos com a relargada. Melhor para a Amcom, que liderou grande parte do tempo e fechou as duas primeiras horas na frente, com Danilo Ramalho no volante do #120. O time ainda tem Rafael Prada, André Nicastro, Enzo Prando, Leonardo Kunen, Marcelo Furtado e Pedro Oliveira.

A disputa, porém, segue bastante embolada, com a Shell Fittipaldi #1 na cola com Danilo Dirani, além da Matrix, a CPKA e o segundo kart da Amcom também no top-5.

Pole e líder das primeiras voltas, o #319 da America Net KTF foi aparecer em 11º, mas ainda na mesma volta do líder. Na classe Light, liderança parcial da CKS, que vem em 30º no geral.

O #319 começou a prova na dianteira (Foto: Gabriel Pedreschi/Grande Prêmio)

A Scuderia GP teve um início bastante complicado. Com os dois karts envolvidos no 'big-one' da primeira volta, perdeu bastante terreno, com o #125 sendo severamente atingido e somando problemas nos giros seguintes. O kart fechou a segunda hora em 61º com Helio Jr. no volante. 

"Foi tudo perfeito nos treinos, warm-up, mas na largada me arrebentaram. Não vi quem tocou em mim. Na hora que saí de novo na saída do boxes, enroscou o acelerador e não soltou mais, tive de parar o carro no freio. Como essa situação piorou, eu tive de entrar", explicou Marcos Alemão, que largou no #125.

O #44, por sua vez, teve problemas com desgaste de pneus no fim do stint de Gustavo Ariel, mas Sidney Rogério conseguiu um stint bastante sólido de mais de uma hora, recuperando terreno e aparecendo em 43º.

Sidney Rogerio fez ótimo stint (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)

"Depois da relargada, estava inguiável, tava achando que era chassi, mas foi o pneu. Vamos ver se é isso mesmo, mas tenho quase certeza que foi isso aí", comentou Ariel.
 

A Scuderia GP, equipe do GP, conta com dois karts, #44 e #125, e onze pilotos: André Mansano, André Cunha, Alex Campo, Alfredo Salvaia, Elisson Gandolfo, Fabio Nakiri, Gustavo Ariel, Helio Jr, Marcelo Hayasaka, Marcos Alemão e Sidney Rogério.
 
Você acompanha a cobertura completa ‘in loco’ do GRANDE PRÊMIO com os repórteres Felipe Noronha, Gabriel Curty, Guilherme Bloisi, Nathalia De Vivo e os fotógrafos Gabriel Pedreschi e Rodrigo Berton.
500 Milhas de Kart, Classificação geral após duas horas:
 
1º- #120 Amcom (Danilo Ramalho)
2º- #1 Shell Fittipaldi (Danilo Dirani)
3º- #19 Matrix (Caio Collet)
4º- #111 CPKA (Frederico Capraro)
5º- #121 Amcom (Rafael Prada)
6º- #301 Americanet KTF (Rodrigo Dantas)
7º- #220 Piquet Sports (Erick Lutum)
8º- #23 Legno (Matheus Porto)
9º- #85 Americanet KTF (Sérgio Sette Câmara)
10º- #213 Spirit (Franco Vivian)
43º – #44 SCUDERIA GP (Sidney Rogério)
61º – #125 SCUDERIA GP (Helio Jr)

Paddockast #46
OS 10 MELHORES PILOTOS DA DÉCADA

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube