Austin Dillon surpreende e vence prova acidentada da Nascar no Texas

Austin Dillon, que não vencia desde a Daytona 500 de 2018, viu tudo se encaixar no Texas. Os acidentes na reta final da prova jogaram a favor do #3, que carimbou vaga nos playoffs

Depois de uma vitória inesperada de Cole Custer em Kentucky, a Nascar voltou a ter surpresas neste domingo (19) no Texas. Austin Dillon, sem vitórias desde 2018 e sofrendo para sequer ir ao top-5 em 2020, teve o dia dos sonhos: o #3 viu diversos pilotos se envolvendo em acidentes e, com uma estratégia cirúrgica, garantiu visita ao Victory Lane.

O destino começou a sorrir para Dillon na altura da volta 305. Uma bandeira amarela causada por Quin Houff interrompeu um ciclo de pits em bandeira verde. Isso bastou para misturar o grid, dependendo de quem já tinha parado ou nçao. Tyler Reddick e Austin Dillon, companheiros na equipe Richard Childress, tiraram proveito de uma parada tardia para relargar em primeiro e segundo.

Dillon, entretanto, fez a ultrapassagem sobre o companheiro ainda na relargada. A corrida voltou a ter bandeiras amarelas, mas não a ponto de fazer Austin jogar a vitória fora.

Austin Dillon saiu vencedor na etapa do Texas da Nascar (Foto: Nascar Media)

Reddick terminou em segundo, conseguiu seu melhor resultado na divisão principal da Nascar. Joey Logano cruzou a linha de chegada em terceiro, com Kyle Busch e Kevin Harvick respectivamente em quarto e quinto. Ryan Blaney, que venceu os dois primeiros segmentos, perdeu terreno no fim e acabou em sétimo.

A lista de pilotos de ponta envolvidos em acidentes é longa. A maior batida do dia foi entre Kyle Busch e Martin Truex Jr., com o último levando a pior ao bater no muro. Kyle deu sorte de apenas passear pela grama enquanto outros pilotos se enroscavam no traçado. Jimmie Johnson, Alex Bowman, Denny Hamlin e William Byron são outros que, por outros incidentes, não conseguiram evitar danos.

O resultado coloca Dillon nos playoffs da Nascar. Quem sai, ao menos por enquanto, é Byron. Johnson, em temporada de despedida da categoria, fica em posição delicada ao se ver como último acima da linha de corte, com meros 2 pontos de vantagem sobre William.

A próxima etapa da Nascar é já nesta semana. A categoria vai ao Kansas para seguir definindo os últimos seis classificados aos playoffs.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube