Nascar inventa classificação para playoffs com soma de resultados e pesos diferentes

Acredite: a categoria criou um sistema rocambolesco que tem classificação da equipe, volta mais rápida e resultado da prova anterior para definir as posições no grid de quem disputa o título de 2020

A Nascar anunciou uma mudança no sistema de definição do grid, que será válida a partir da etapa no misto de Daytona, que acontece no dia 16. O método confuso substituirá o sorteio, que vem sendo realizado desde o retorno da categoria durante a pandemia, em maio.

O sistema consiste em multiplicar a posição no campeonato de equipes por 0.35, a posição da prova anterior por 0.5 e a volta mais rápida na prova anterior por 0.15. O piloto com a menor média deste cálculo larga na pole-position.

A categoria também determinou que a partir dos playoffs, que começam no dia 6 de setembro, em Darlington, todos os candidatos ao título largarão na frente. Ou seja, os 16 classificados tomam as 16 primeiras posições na primeira fase, baseado no novo sistema, os 12 classificados ocupam o top-12 da fase seguinte e assim em diante.

BRAD KESELOWSKI; NASCAR; NEW HAMPSHIRE;
Brad Keselowski venceu a corrida mais recente da Nascar, em New Hampshire (Foto: Nascar)

“Considerando o feedback das equipes, pilotos e fãs, a NASCAR implementou essas mudanças para aprimorar a competição à medida que nos aproximamos dos playoffs”, declarou Scott Miller, presidente sênior de competição da Nascar.

A categoria também anunciou que a partir da rodada dupla do Michigan, que acontece neste fim de semana, as relargadas seguirão com a “regra da escolha”. Os pilotos escolherão relargar na linha de dentro ou de fora dos ovais, o que adiciona um tempero de estratégia e imprevisiblidade.

A medida não será válida para as provas nos mistos ou em Superspeedways como Daytona e Talladega.

“Recebemos apenas comentários positivos dos pilotos sobre a regra de escolha após a corrida All-Star, e sentimos que era uma adição importante ao procedimento de relargada. O sorteio aleatório nos serviu bem durante o retorno às corridas, mas é importante que o grid inicial seja baseado no desempenho à medida que nos aproximamos dos playoffs. Toda a indústria está alinhada com a implementação de um sistema baseado em concorrência para determinar a ordem de largada e a seleção de boxes”, completou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar