Nascar revela novo formato para corrida All-Star de 2017 e surpreende com uso de pneus macios e duros

O All-Star da Nascar vai ser disputado através de quatro segmentos. Os vencedores dos três primeiros, além dos pilotos com melhores posições, partem para o último em uma briga de apenas 10 voltas pela vitória

 

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;

Uma nova temporada, um novo formato para a tradicional corrida All-Star da Nascar, disputada no mês de maio, em Charlotte. Depois da série de problemas causados pelo formato de 2016, a categoria revelou uma simplificação nas regras de 2017.
 
A All-Star vai contar com quatro segmentos – de 20, 20, 20 e 10 voltas, somando 70. Os pilotos que vencerem os três primeiros segmentos se classificam automaticamente a disputa do quarto, que vai contar com apenas dez pilotos brigando pela vitória. As vagas que não forem preenchidas por vitórias vão ficar na mão daqueles que conseguirem a melhor posição média ao longo dos primeiros segmentos. Com as vagas preenchidas, os dez pilotos partem para uma briga direta pela vitória.
 
Mas a maior novidade de todas não tem a ver com o formato, e sim com os pneus. Em uma manobra inédita na Nascar, a Goodyear vai fornecer dois tipos diferentes de pneus – option e prime, ou macio e duro. A expectativa é de que o composto mais aderente renda uma vantagem de até 0s5 por volta, mas com vida útil curta.
 
“Estamos extremamente animados com esse formato e a possibilidade de levar pneus macios para o All-Star desse ano”, disse Greg Stucker, diretor de automobilismo da Goodyear. “O maior uso de componentes vai mostrar a importância da estratégia nessa corrida, além de permitir que equipes escolham a combinação [de pneus] que aumente as chances de vencer”, seguiu.
A Goodyear apresenta pneus macios e duros para a Nascar (Foto: Reprodução)
Os pneus sempre foram parte importante da estratégia da Nascar, mas de forma diferente. A possibilidade trocar dois ou quatro pneus, ou usar pneus novos ou ‘raspados’ já era um fator decisivo nas provas da categoria.
 
O All-Star já tem 15 pilotos confirmados – todos aqueles que venceram corridas em 2016 e 2017, campeões da categoria, além de vencedores de edições anteriores da prova extracampeonato. Outras quatro vagas estão em aberto: os vencedores de três corridas de classificação, além de um piloto eleito pelo público.
 
O All-Star de 2017 será disputado em 20 de maio. O tradicional oval de Charlotte segue sendo o palco.

Pilotos já classificados para o All-Star:
 
1 JAMIE McMURRAY EUA GANASSI CHEVROLET
2 BRAD KESELOWSKI EUA PENSKE FORD
4 KEVIN HARVICK EUA STEWART-HAAS FORD
5 KASEY KAHNE EUA HENDRICK CHEVROLET
11 DENNY HAMLIN EUA JOE GIBBS TOYOTA
18 KYLE BUSCH EUA JOE GIBBS TOYOTA
20 MATT KENSETH EUA JOE GIBBS TOYOTA
22 JOEY LOGANO EUA PENSKE FORD
31 RYAN NEWMAN EUA RICHARD CHILDRESS CHEVROLET
37 CHRIS BUESCHER EUA JTG DAUGHERTY CHEVROLET
41 KURT BUSCH EUA STEWART-HAAS FORD
42 KYLE LARSON EUA GANASSI CHEVROLET
48 JIMMIE JOHNSON EUA HENDRICK CHEVROLET
78 MARTIN TRUEX JR. EUA FURNITURE ROW TOYOTA
88 DALE EARNHARDT JR. EUA HENDRICK CHEVROLET

PADDOCK GP #73 DEBATE: VERSTAPPEN É O PILOTO MAIS IMPRESSIONANTE DA F1?

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)<0?n+="px":n,cc.style.display="",s2.width=n,window.frameElement&&(s1.height=c2.offsetHeight+5+"px"),t=500,s1.width="100%"}rs(t)},200)}var c1=window.frameElement?window.frameElement:document.getElementById("crt_ftr"),c2=document.getElementById("crt_ftr"),s1=c1.style;s1.position="fixed",s1.bottom="-4px",s1.left="0px",window.frameElement&&(s1.height="0"),c2.style.textAlign="center",s1.zIndex="60000";var cc=document.getElementById("crt_cls"),s2=cc.parentNode.style;cc.onclick=function(){s1.display="none"};var t=0;rs(0);

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth < 970) ? 302357 : 302359;
document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube