Nascar

Piloto da Truck Series da Nascar recebe mandado de prisão por competir com caminhão roubado

De acordo com o xerife do Condado de Rowan, na Carolina do Norte, Jordan Anderson competiu na Truck Series com um caminhão roubado – e tinha consciência disso. Depois de se recusar a entregar o bólido, o americano recebeu mandado de prisão
Warm Up / Redação GP, de Porto Alegre
 O caminhão de Jordan Anderson (Foto: Nascar Media)
Jordan Anderson, piloto da Truck Series da Nascar, tem um mandado de prisão por cumprir. O gabinete do xerife do Condado de Rowan, no estado americano da Carolina do Norte, emitiu comunicado nesta quinta-feira (27), revelando investigação da posse de Anderson de nada menos do que um caminhão de corrida roubado.
 
O gabinete afirma que entrou em contato com Anderson sobre a situação legal do veículo. O piloto, mesmo informado sobre a investigação, se recusou a entregar o bólido utilizado – e envolvido em acidente – na corrida de novembro de 2017 no oval do Texas. A investigação começou com foco em Robert Newling, que venceu o caminhão roubado, depois alcançando Anderson.
Jordan Anderson (Foto: Nascar Media)
“Robert Newling tomou a decisão de vender o caminhão, que não era de sua posse, e venceu a Jordan Anderson”, relatou o comunicado. “Durante a investigação, foi possível determinar que Anderson tinha motivos para acreditar que o caminhão comprado era roubado. Investigadores tentaram recuperar o caminhão de Anderson, que não quis abrir mão do caminhão”, seguiu.
 
Anderson teve a chance de se apresentar às autoridades, mas não o fez. “Anderson tomou conhecimento do mandado pendente e encontrou aconselhamento judicial. O advogado de Anderson, Daren Jordan, entrou em contato com o gabinete do xerife de Rowan County e afirmou que Anderson se entregar em 20 de setembro. Até hoje [27 de setembro] Anderson ainda não se entregou”, encerrou o comunicado.
 
Jordan compete na Nascar desde 2014, quando estreou na Truck Series, que logo se tornou seu foco. Já são cinco temporadas na terceira principal divisão da Nascar, tendo um nono lugar como melhor resultado. Competindo com equipe própria em 2018, Anderson é 16º colocado na classificação.