Ghiotto e Eriksson vencem em rodada dupla dominical da GP3 em Sóchi. Ocon acirra briga pelo título de 2015

A disputa pelo título da temporada 2015 da GP3 esquentou de vez. Apesar da vitória de Luca Ghiotto na corrida 1 em Sóchi, Esteban Ocon conseguiu dois segundos lugares e, assim, cortou para dois pontos a vantagem do italiano na tabela

O título da temporada 2015 da GP3 tem tudo para ser decidido nos instantes finais. Neste domingo (11), a rodada dupla da categoria em Sóchi fez com que o francês Esteban Ocon cortasse para dois pontos a vantagem do italiano Luca Ghiotto, líder do campeonato.
 
Segundo colocado nas duas provas, Ocon alcançou 194 pontos na classificação do campeonato. Ghiotto, que venceu a primeira prova, mas foi oitavo na segunda, agora tem 196 tentos.
 
Emil Bernstorff e Marvin Kirchhöfer não tiveram um final de semana brilhante na Rússia, mas seguem com chances matemáticas de buscarem o caneco com 146 e 144 pontos, respectivamente.
Esteban Ocon foi segundo nas duas provas e colou em Ghiotto na tabela de pontos (Foto: GP3)
Ghiotto bate Ocon em confronto direto
 
A corrida 1, que deveria ter acontecido no sábado, mas foi adiada por causa do acidente de Carlos Sainz Jr. na F1, viu uma disputa particular entre Ghiotto e Ocon.
 
Largando na ponta, o francês pouco durou na dianteira. Vindo um pouco de trás, Ghiotto largou bem e superou o rival na curva 13, ainda na volta de abertura da prova.
 
Daí para frente, coube ao italiano segurar os ataques de Ocon, que sabia que sua vida se complicaria com a derrota pro concorrente. No fim, vitória de Ghiotto com 1s5 de vantagem para o gaulês.
 
Emil Bernstorff passou longe de brilhar, mas fez o suficiente para ser terceiro e garantir seu quinto pódio no ano. Alex Palou chegou em quarto, com Jann Mardenborough completando o grupo dos cinco primeiros.
 
Antonio Fuoco foi sexto colocado, Matt Perry ficou em sétimo, Jimmy Eriksson foi oitavo, Marvin Kirchhöfer chegou em nono e Artur Janosz foi o décimo.
Luca Ghiotto venceu a corrida 1 da GP3 (Foto: GP3)
Ocon repete 2º lugar e embola classificação
 
Na segunda prova, o sueco Eriksson se aproveitou da pole para escapar na frente. Ameaçado no início apenas por Fuoco, Eriksson até tocou o italiano, mas saiu ileso e seguiu firme.
 
Se aproveitando de largadas ruins dos rivais e fazendo bem seu papel, Ocon já surgia em quarto na primeira volta, enquanto Ghiotto era sexto.
 
Enquanto Ghiotto sofria com falta de ritmo e caía para nono, Ocon rapidamente se livrava e Fuoco para ser terceiro.
 
Já nos giros derradeiros, Ocon tirou Mardenborough da segunda posição, enquanto Ghiotto passou Palou para garantir um pontinho em oitavo. Na frente, Eriksson vencia com certa folga.
 
No fim, o top-10 teve Eriksson, Ocon, Mardenborough, Fuoco, Janosz, Bernstorff, Kirchhöfer, Ghiotto, Palou e Seb Morris.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube