Martins termina em 4° e é campeão da F-Renault Eurocup em Paul Ricard. Collet é vice

Victor Martins nem precisou ir ao pódio para ser campeão da Fórmula Renault Eurocup. O francês, quarto, já não pode mais ser alcançado por Caio Collet. Lorenzo Colombo venceu

A briga pelo título da Fórmula Renault Eurocup chegou ao fim neste sábado (14). Victor Martins, que virou líder no meio do campeonato, não pode mais ser alcançado: o quarto lugar na corrida 1 em Paul Ricard rendeu pontos suficientes ao francês para garantir o caneco, derrotando o brasileiro Caio Collet.

Collet conseguiu o segundo lugar na França, fazendo até mesmo ultrapassagem sobre Martins. Ainda assim, os dois abandonos nas últimas quatro corridas pesaram: são 330 pontos para Victor e 292 para Caio, e com apenas 25 em jogo na corrida 2 do fim de semana. O brasileiro já tem o vice garantido, tendo quase 100 tentos de vantagem sobre Franco Colapinto.

Martins coroou grande ano com o título (Foto: Reprodução)

A vitória na prova ficou com Lorenzo Colombo. O italiano não conseguiu fugir de Collet, mas não chegou a ser pressionado também.

Martins, assim consegue passo importante na carreira. O francês foi vice-campeão da F-Renault Eurocup em 2019, sendo derrotado por Oscar Piastri. Os dois eram pilotos da Academia da Renault, com a derrota para Piastri significando a dispensa de Martins. Mesmo sem o suporte de uma montadora, o piloto fica com caminho livre para buscar a Fórmula 3 em 2021.

Collet, mesmo vendo o título escapar, também pode tirar aspectos positivos de 2020. Depois de ser o estreante do ano em 2019 na mesma F-Renault Eurocup, o piloto virou protagonista em 2020 e deu sinais de que tem talento para voar mais alto.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube