Câmara supera “dia de altos e baixos” pela F4 Italiana em Spa e ressalta “aprendizado”

Brasileiro da Prema foi 2º, 4º e 3º, respectivamente, nas três provas da categoria ao longo do fim de semana. Enquanto isso, principal adversário Andrea Kimi Antonelli completou trinca de triunfos. Mesmo assim, Câmara segurou a liderança do campeonato

FÓRMULA 1 2022 AO VIVO: TUDO SOBRE O GP DO CANADÁ DE F1 | Briefing

Mesmo com o principal rival na temporada da F4 Italiana, Andrea Kimi Antonelli, vencendo as três corridas disputadas em Spa-Francorchamps, o brasileiro Rafael Câmara segurou a liderança do campeonato da categoria. E foi em grande estilo.

Depois de cruzar a linha de chegada na segunda colocação na prova 1, no sábado, Câmara chegou a liderar a segunda disputa – mas um fim de prova sob regime de bandeira amarela e safety-car comprometeu a estratégia do brasileiro, que acabou em quarto.

Mais tarde no domingo (19), o piloto da Prema largou da pole-position. No entanto, sequer conseguiu partir do grid: apagão no carro e queda para o último lugar. A partir daí, foi uma corrida de recuperação para diminuir o prejuízo e, ao fim dos 30 minutos, alcançar o pódio.

Andrea Kimi Antonelli fechou trinca em Spa (Foto: F4 Italiana)

“Tive um dia de altos e baixos, mas principalmente de muito aprendizado. As duas corridas foram intensas, com disputas em todas as voltas sob bandeira verde. Poderia ter vencido de manhã e à tarde (domingo), já que a Prema preparou um carro extremamente competitivo”, afirmou Câmara.

“Lutamos durante todas as voltas de todas as corridas e saio contente pela recuperação após cair pro fim do pelotão na terceira prova. Temos ao menos mais dois fins de semana seguidos, com corridas em Zandvoort e Vallelunga. Então saio da Bélgica contente pois sei que logo vamos disputar vitórias”, completou.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

No campeonato da F4 Italiana, o piloto da Academia da Ferrari soma 147 pontos, três à frente de Andrea Kimi Antonelli, segundo colocado. Câmara agora vai para a disputa da F4 Alemã, em Zandvoort, antes de voltar suas atenções para a categoria italiana, em Vallelunga, no dia 3 de julho.

FRECA: Barrichello fala em “pior etapa” da temporada e Bortoleto afirma que Zandvoort “não foi fim de semana mais fácil”

A Fórmula Regional Europeia Alpine aterrissou em Zandvoort para sua quinta etapa da temporada neste fim de semana, ‘varrido’ pelo Paul Aron. Na primeira corrida, Gabriel Bortoleto – pela primeira vez em sua carreira na categoria – abandonou, enquanto Eduardo Barrichello terminou em 18º.

Já na prova seguinte, os brasileiros envolvidos na disputa tiveram destinos diferentes: Bortoleto se recuperou e cruzou a linha de chegada em 8º, enquanto Barrichello foi somente o 20º colocado.

Fim de semana para se esquecer para Eduardo Barrichello (Foto: Dutch Photo Agency)

“Chegamos na metade do campeonato longe das expectativas. Tanto eu quanto o time esperávamos estar andando mais para a parte de cima da tabela, afinal nos treinos da pré-temporada o carro se comportou muito bem. Meus companheiros também estão sofrendo como eu, então o time está muito preocupado”, revelou Barrichello.

Zandvoort foi nossa pior etapa até agora, sofremos muito com balanço, principalmente no quali. O carro não rendia o esperado. Foi uma metade de temporada muito difícil. Tivemos pontos altos como em Paul Ricard, com um carro muito bom e equilibrado. Em Mônaco também fiz boas provas e consegui o melhor resultado até agora. Em duas semanas voltamos para a Hungria e espero que seja o começo de uma virada na temporada, tempo de analisar, baixar a poeira e voltar ainda melhor”, finalizou.

LEIA TAMBÉM
+ Wolff detona rivais por postura contra intervenção da FIA no porpoising

Zandvoort não foi um dos finais de semana mais fáceis! Ainda assim marcamos alguns pontos pro campeonato. Vamos continuar trabalhando duro para as próximas etapas”, resumiu, por sua vez, Bortoleto.

A FRECA retorna entre os dias 8 e 10 de julho, para a disputa de sua sexta etapa. Será na Húngria, em Hungaroring. Dino Beganovic lidera o campeonato com 174 pontos, 36 à frente de Aron (138) e 39 de distância para Gabriele Minì (135). Bortoleto é o sétimo, com 75, enquanto Barrichello segue zerado.

AZAR E ERICSSON ATRAPALHAM, MAS PALOU SEGUE NA BRIGA NA INDY 2022
Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Escanteio SP.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar