O que a Ferrari pode aprender com os erros e acertos do passado? | Paddockast #158

É hora de falarmos de novo da Ferrari. Mas olhando também para o passado, tentando entender o que os italianos podem aprender com erros e acertos de outros anos para uma temporada que está dramática. É a edição #158 do Paddockast

A Ferrari parece finalmente ter o melhor carro da Fórmula 1. A F1-75 nasceu bem melhor que as rivais e também foi bem desenvolvida quando a Red Bull evoluiu seu projeto, igualando ou até superando de novo a rival. O problema é que, mesmo assim, os italianos não conseguem aproveitar as oportunidades que surgem e seguem distantes da liderança do campeonato, com erros de estratégia, quebras ou vacilos dos pilotos. Olhando para o passado vitorioso e também para os momentos mais complicados, o que a Ferrari pode aprender para tentar virar o jogo em 2022 ou, na pior das hipóteses, já para 2023? Está tudo no podcast de Fórmula 1 do GRANDE PRÊMIO.

A atração tem apresentação de Gabriel Curty e os comentários de Evelyn Guimarães e Luana Marino. O programa tem produção de Rodrigo Berton e da Central 3, capitaneada por Leandro Iamin e Gil Luiz Mendes.

Ouça já o Paddockast #158:

Outras opções: Android | Castbox | Deezer | Google Podcasts | Listen Notes | iTunes | playerFM | Spreaker

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Escanteio SP.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar