Duclos vence dia marcado por luto e sobe na classificação geral do Dakar. Coma dispara na liderança

Em dia marcado pela morte do belga Eric Palante, encontrado sem vida em meio ao trajeto da quinta especial, francês da Sherco completou trecho entre Tucumán e Salta em 5h51min34s. Coma, que chegou em segundo, agora tem mais de 40min de vantagem para Barreda, vice-líder na classificação geral

 
6ª etapa  
San Miguel de Tucumán (ARG) – Salta (ARG)  
Deslocamento: 65 km  
Trecho cronometrado: 400 km  
Percurso total: 465 km

Alain Duclos venceu o sexto estágio da edição de 2014 do Rali Dakar, no trecho entre San Miguel de Tucumán e Salta, na Argentina. O francês completou o trajeto cronometrado de 400 km com sua Sherco #22 em 5h51min34s e melhorou seu tempo total na classificação geral, subindo para a terceira colocação na soma dos tempos.

 
A vitória, contudo, não veio facilmente. Marc Coma, da KTM #2, chegou muito perto do adversário gaulês e completou a especial com apenas 1min15s de atraso para o vencedor. A terceira colocação ficou com o surpreendente Michael Metge, da Yamaha. O francês também duelou pela vitória e terminou o dia com desvantagem de 1min49s para Duclos.
Marc Coma amplia liderança do Dakar após sexto estágio (Foto: KTM)

Somente no quarto lugar é que aparece Joan Barreda. O espanhol, que mais uma vez ficou aquém do resultado esperado por sua boa performance nos primeiros dias do Dakar, chegou com sua Honda a Salta com 2min22s de atraso. Cyril Despres, por sua vez, finalmente voltou a completar a disputa entre os cinco primeiros pela Yamaha.

 
O dia entre as motos, porém, foi marcado pelo luto. Eric Palante, belga de 50 anos, foi encontrado morto pelo caminhão-vassoura na altura do km 143 da especial disputada na última quinta-feira (9), entre Chilecito e Tucumán. Não se sabe, ainda, a causa da morte do piloto. O estágio havia sido encurtado em 205 km por conta das altas temperaturas.
 
Coma amplia liderança
 
Com o resultado desta sexta-feira (10), Coma disparou na liderança geral do Dakar entre as motos. A vantagem do espanhol para o conterrâneo Barreda, agora, é de 42min17s. Duclos subiu para terceiro, com Jordi Viladoms, da KTM, em quarto, e Jeremias Israel Esquerre, chileno da Speedbrain, em quinto. Francisco López Contardo, que brigava nas cinco primeiras colocações na soma dos tempos, deixou a disputa.
 
Os brasileiros Jean Azevedo e Dário Júlio, da Honda, também estão fora do Dakar.

Rali Dakar 2014, motos, resultados após 6 estágios:

1 Marc COMA ESP KTM 23:08:00 6 estágios    
2 Joan BARREDA ESP Honda +42:17      
3 Alain DUCLOS FRA Sherco +1:00:58      
4 Jordi VILADOMS ESP KTM +1:08:09      
5 Jeremias Israel ESQUERRE CHL Speedbrain +1:33:28      

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube