Prólogo abre edição 2020 do Sertões e define ordem de largada de 1ª etapa no Velocitta

Contratado pela Yamaha IMS neste ano, Adrien Metge está fora do Sertões 2020. A baixa foi anunciada pela organização da prova um dia antes da disputa do prólogo no autódromo Velocitta, em Mogi Guaçu

Leia no GRANDE PREMIUM
Como Sertões almeja superar Dakar e ser o maior rali do mundo
A galeria com todos os campeões e as lendas do Sertões

Com céu nublado e um pouco de chuva, o Sertões acelera pra valer a partir desta sexta-feira (30) com o prólogo que abre oficialmente a edição 2020 do maior rali das Américas. A disputa que vai definir a ordem de largada da primeira especial da competição acontece em uma pista de 4.730 m na estrutura do autódromo Velocitta, em Mogi Guaçu, interior de São Paulo.

Contudo, apesar de usar a ampla estrutura do complexo, o Sertões vai acelerar em um circuito formado de cascalho e pedrisco, com um mix de curvas e retas. Uma das características do percurso é que não há áreas de escape, portanto, traz uma dificuldade a mais para pilotos e navegadores.

Siga o GRANDE PRÊMIO nas redes sociais:
YouTube | Facebook | Twitter Instagram | Pinterest | Twitch | DailyMotion

SERTÕES; SERTÕES 2020; VELOCITTA;
Carros alinhados para a vistoria técnica que antecede ao prólogo do Sertões 2020 (Foto: Rodolfo Bazetto)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Apesar de a ordem de largada para a primeira especial ser vista como importante por pilotos, o fato é que o rali é bastante longo, com sete etapas e mais de 4.700 km de extensão. Por isso, há muita cautela sobre a primeira prova da edição 2020 do Sertões de logo mais.

“Pelo que vimos, o prólogo é bem interessante, com piso bom, mas estreito. Fico com o chavão de que o rali não é ganho no primeiro dia, mas pode ser perdido nele. Lógico que o objetivo é andar forte para garantir uma posição de largada favorável na primeira especial e ter menos problemas com ultrapassagens”, salientou Lucas Moraes, atual campeão do Sertões nos carros ao lado do navegador Kaique Bentivoglio.

Tunico Maciel, bicampeão nas motos em 2018 e 2019 com a Honda, entende que largar na frente na primeira especial é um detalhe diante da enorme prova que terá pela frente.

“Não posso ficar ansioso pensando no lugar em que vou ficar depois dele. Se me sentir confiante, vou acelerar. Se não, paro, respiro e faço o melhor possível. Não me importa ser o primeiro a partir na especial de sábado, confio bastante na minha navegação”, afirmou o mineiro.

VELOCITTA; SERTÕES; SERTÕES 2020;
Estrutura do Velocitta para receber o Sertões 2020, que começa nesta sexta-feira (Foto: Rodolfo Bazetto)

Já Denísio do Nascimento, campeão de 2019 nos UTVs ao lado do copiloto Idali Bosse, seguiu o mesmo discurso de Maciel.

“Fizemos o reconhecimento do percurso a pé e será muito técnico. Em muitos lugares tem cerca de um lado e barranco de outro. Por isso mesmo é melhor acelerar de uma forma consciente, sem arriscar. Não me importo de largar um pouco para trás na primeira especial. A prova dá condição suficiente de ganhar ritmo e posições”, salientou.

A ordem de partida do prólogo é definida pelo número de inscrição estampado em cada veículo, iniciando com motos, UTVs e, por fim, pelos carros, com intervalo de um minuto entre cada competidor.

O prólogo que abre a edição 2020 do maior rali das Américas tem transmissão ao vivo pelo canal oficial do Sertões no YouTube.

Ouça os programas do GRANDE PRÊMIO no formato de podcast:
Anchor | Apple | Spotify | Google | Pocket Cast | Radio Public | Breaker

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube