Evans se aproveita de problemas de Ogier e lidera sexta-feira do Rali de Monza

Elfyn Evans aproveitou problemas de freio de Sébastien Ogier para terminar a sexta-feira do Rali de Monza na frente. Galês precisa descontar desvantagem de 17 pontos para impedir novo título do francês

Max Verstappen também apresentou problemas na asa móvel do carro no Catar (Vídeo: Reprodução)

Elfyn Evans iniciou o Rali de Monza na liderança. O galês da Toyota fechou a sexta-feira (19) de disputa na Itália na primeira colocação, com o líder do campeonato e rival Sébastien Ogier no segundo lugar.

O heptacampeão Ogier, que tem 17 pontos de vantagem sobre o companheiro de equipe Evans, ganhou três das primeiras quatro especiais do dia na Itália, mas sofreu com problemas de freio e viu o rival Evans fechar o dia à frente, sobrevivendo a uma especial com baixa luminosidade e queda de temperaturas.

“Aquela especial não foi fácil, especialmente vindo da reta para as chicanes com pneus frios. Não é muito legal o escuro. Foi um bom dia na pista, mas temos trabalho a fazer para as especiais na montanha amanhã”, comentou o galês.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Ogier busca mais um título no WRC (Foto: WRC)

A dupla da Toyota carrega longa vantagem para Thierry Neuville, da Hyundai, que é o terceiro colocado, 20 segundos atrás. O espanhoL Dani Sordo, vencedor do estágio final da sexta-feira, é quarto colocado. Oliver Solberg, outro piloto Hyundai, é quinto. Takamoto Katsuta, Gus Greensmith, Teemu Suninen, Kalle Rovanperä e Yohan Rossel fecham o top-10.

O Rali de Monza segue neste sábado com a realização de mais seis especiais. A final está agendada para o domingo (21).

F1 NO CATAR: VERSTAPPEN SEM PUNIÇÃO, BOTTAS LÍDER DOS TREINOS | Briefing
Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar