Cristian Baumgart confirma tetracampeonato, e Metge leva nas motos no Sertões 2021

Apenas com trechos de deslocamento neste domingo, Sertões 2021 consagrou Adrien Metge, Manuel Andujar, Denísio Casarani e Cristian Baumgart

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Chegada em Le Mans quase teve atropelamento (Vídeo: WEC)

Etapa 9 – ‘Sertão virou mar’
Arapiraca (AL) a Tamandaré (PE)
Deslocamento: 344 km
Percurso total: 344 km

A edição 2021 do Sertões foi finalizada oficialmente neste domingo (22). Com especial cancelada pelo risco de fortes chuvas, os competidores tiveram de passar pelo deslocamento até o Forte de Tamandaré, no Pernambuco, para o encerramento desta edição, confirmando os campeões que praticamente foram definidos no sábado.

O francês Adrien Metge, da Yamaha, venceu nas motos e se tornou o quinto piloto estrangeiro a vencer o rali na categoria. Foram vitórias em 6 das 8 especiais disputadas, derrotando Jean Azevedo, que fechou a prova 16 minutos atrás. Bissinho Zavatti, Túlio Malta e Gregório Caselani fecharam o top-5 na classe.

“É uma sensação muito boa, gosto muito de correr no Brasil e queria fazer o Sertões desde que cheguei aqui, em 2014. Andei em 2015 e voltei agora. Estou muito feliz por vencer e manter o título com a Yamaha, a equipe foi sensacional, não tivemos qualquer estresse. No ano passado foi difícil acreditar que eu ficaria fora na semana da largada. A prova foi muito legal, completa, proporcionou todos os tipos de piso, não ficou nada de fora”, declarou o francês.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram.

Adrien Metge, vencedor nas motos (Foto: Victor Eleuterio/Fotop)

Outra vitória estrangeira aconteceu nos quadriciclos. O argentino Manuel Andujar, da Yamaha, saiu com a vitória após disputa contra Marcelo Medeiros, que teve acidente e fechou em terceiro, atrás de Rafal Sonik. A edição do Sertões valeu como etapa no Mundial Cross-Country da FIM.

“Meu principal objetivo era pontuar pelo Mundial e foi ainda melhor, pois consegui vencer na geral. Uma prova linda, bastante exigente, fico feliz por levar esse resultado para a Argentina. Volto para minha cidade [Lobos] com mais essa conquista”, comentou Andujar.

Na disputa dos UTVs, a vitória ficou com Denísio Casarani e Ivo Mayer, em título também encaminhado no sábado. André Hort/Matheus Mazzei, Rodrigo Luppi/Maykel Justo, João Monteiro/Victor Melo e Gabriel Cestari/Jhonathan Ardigo finalizaram o top-5. Casarini e Mayer chegaram a capotar no prólogo.

“A capotagem do prólogo acabou ajudando a me dar uma freada, eu estava muito na pressão de andar na frente e passei vir a dosando o ritmo, a forçar quando necessário e vim crescendo ao longo da prova. Nosso equipamento estava muito bom. Teria sido ainda mais difícil se o duelo com o Rodrigo (Varela) seguisse até o fim. É muito bom ganhar pelo segundo ano”, comentou Denísio.

Já nos carros, o tetracampeonato veio Cristian Baumgart, que junto de Beco Andreotti, também encaminhou o título no sábado. Seu irmão Marcos foi segundo colocado, junto de Kleber Cincea. Sylvio de Barros/Rafael Capoani, Julio Capua/Emerson Cavassin e Marcelo Gastaldi/Cadu Sachs fecharam o top-5.

O Sertões também anunciou que a edição de 2022, que completa 30 anos da prova, será disputada em trecho entre o Oiapóque (AP) ao Chuí (RS), os extremos das regiões Norte e Sul do Brasil.

RED BULL VAI SACAR PÉREZ? MERCEDES VAI MESMO TIRAR BOTTAS? | GP às 10

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar