Atrás de novos desafios e sonhos, irmãos Girolami trocam Argentina pelo Brasil para seguir carreira na Stock Car

Os irmãos Néstor e Franco Girolami decidiram trocar a Argentina pelo Brasil e tentam dar seguimento à carreira na profissional Stock Car. O mais velho, o ‘Bebu’, vai defender a Carlos Alves na temporada 2016, enquanto o caçula anda na Corrida de Duplas em Curitiba, pensando também em uma vaga de titular no próximo ano

Com carreira sólida em competições de turismo na Argentina, Néstor Girolami, ou o ‘Bebu’, decidiu viver um novo desafio na carreira. Aos 26 anos e bicampeão do forte Super TC2000 no país vizinho, o piloto de Isla Verde optou pela Stock Car para a temporada 2016m, atrás de novas conquistas e experiência. Bebu se mudou para São Paulo – na verdade, nas cercanias do autódromo de Interlagos – para integrar a equipe do experiente Carlos Alves, agora sob as cores da cervejaria Eisenbahn.
 
A ideia é dar seguimento à profissão aqui no Brasil. O profissionalismo e o desejo de ganhar mais foram os principais motes do jovem competidor, que já teve experiência na categoria nacional. Inclusive, já sentiu o gostinho da vitória por aqui. Em 2015, Girolami andou também na Corrida Duplas, ao lado de Ricardo Maurício, e venceu a prova em Goiânia. Néstor também correu no circuito paulistano na etapa final, pelo mesmo time que agora defende. 
Néstor Girolami em Curitiba (Foto: Girolami Sports)
“É um grande desafio para mim, um sonho”, disse o argentino ao GRANDE PRÊMIO. “Neste momento, é muito difícil traçar uma meta, criar uma expectativa muito alta para essa primeira temporada, principalmente porque tudo ainda é muito novo para mim. O carro é novo, regulamento, tudo, mas estou feliz de estar aqui”, completou.

Testando muito no simulador — o piloto também chegou a andar no traçado de Curitiba com um carro de F3 —, Girolami ainda continuou o discurso do pé no chão. “Mas estamos indo passo a passo, planejando os objetivos corrida a corrida, sempre com metas bem realistas, então a primeira coisa é tentar marcar pontos, alcançar o top-10 e depois pensar em vencer”, enumerou.

 
A escolha pela Stock Car se deu pelo alto nível de competitividade. “É um campeonato difícil e que tem pilotos de grande experiência. Gente que já esteve na F1 e em outras categorias internacionais. Além disso, o carro é muito rápido, tração traseira e tem muita tecnologia”, acrescentou.
Os irmãos Franco e Néstor Girolami em Curitiba (Foto: Girolami Sports)
Para abertura da Stock Car neste fim de semana, em Curitiba, Néstor escolheu o irmão Franco para dividir o carro #63. A ideia é também apresentar o caçula ao esporte a motor no Brasil. Assim como Bebu, o mais jovem dos dois também quer seguir carreira por aqui. 
 
“Correr com o meu irmão é um prazer”, disse. “É claro que o conheço muito bem, então essa é a parte mais fácil. Ele também tem experiência e acho que essa é uma grande oportunidade para ele. Para que possa mostrar seu trabalho ao automobilismo brasileiro, da mesma forma que eu fiz no ano passado”, emendou.  
 
E falando no irmão, Franco também deseja seguir a carreira no Brasil. “Todo o plano é para isso, quero tentar uma vaga para correr aqui no próximo ano. É um sonho também. Acho que o que atrai é o profissionalismo da Stock Car e o alto nível técnico dos pilotos.”
 
“O carro é outro ponto que chama a atenção, é muito veloz e tem muita tecnologia”, completou o piloto de 24 anos.
 
A parceria entre os dois argentinos, que têm como consultor o ex-piloto Gabriel Furlán — multicampeão da F3 Sul-americana — parece que já deu muito certo. A dupla conseguiu o segundo melhor tempo no último treino antes da classificação da Stock Car em Curitiba, neste sábado (5).

O GRANDE PRÊMIO acompanha ao vivo e ‘in loco’ o fim de semana da Stock Car em Curitiba com grande equipe: Evelyn Guimarães, Fernando Silva, Renan do Couto e o jornalista parceiro Bruno Vicaria.

VEJA A EDIÇÃO #18 DO PADDOCK GP, QUE TRAZ BATTISTUZZI, ABORDA F1, INDY E STOCK CAR

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube