C2 compra Gramacho e é nova equipe confirmada para disputa da temporada 2014 da Stock Car

O time sediado em Curitiba é de propriedade do empresário paranaense Edson Casagrande e do piloto Julio Campos, que segue competindo pela Mico’s enquanto também assume o papel de dirigente

A Stock Car tem uma nova equipe para a temporada de 2014. É a C2, de propriedade do empresário paranaense Edson Casagrande e do piloto Julio Campos. O anúncio oficial foi feito nesta quinta-feira (5), quando a nova escuderia, cuja sede será em Curitiba, confirmou participação no campeonato do ano que vem ao comprar a estrutura da Gramacho.

Após a confirmação, Casagrande afirmou que está ansioso para a próxima temporada e disse que confia no apoio de Campos para montar um time capaz de conquistar bons resultados logo na estreia no certame.

Julio Campos é um dos donos da nova equipe (Foto: Duda Bairros/Vicar)

“Acredito muito neste projeto e no crescimento do automobilismo no Brasil”, disse o dirigente. “A equipe contará com o suporte técnico do Julio, que com a experiência que tem vem agregar todo o conhecimento na estrutura da equipe, tanto com os engenheiros, mecânicos e aos pilotos que forem competir na nossa equipe” declarou.

Campos, por sua vez, segue como piloto da Mico’s, mas garantiu que fará de tudo pelo sucesso do próprio time. “Fiquei muito feliz com esse novo desafio. Estamos trabalhando na captação de patrocínios, além de estarmos próximos de definir nossa dupla de pilotos para o campeonato”, completou.

Embora os pilotos ainda não tenham sido confirmados, Gabriel Casagrande, que luta pelo título do Brasileiro de Turismo, deverá ser um dos titulares. Enquanto os nomes não são anunciados, o time já acertou a contratação do engenheiro Guilherme Ferro e do ex-piloto Juliano Moro para fortalecer a parte técnica.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube