Camilo reedita parceria com Di Grassi na abertura da Stock Car. Galid forma dupla com Beto Monteiro

Thiago Camilo novamente vai ter como parceiro na corrida em duplas da Stock Car o líder da temporada inaugural da F-E Lucas Di Grassi. Enquanto isto, Galid Osman vai formar dupla com o bicampeão da F-Truck Beto Monteiro

A RCM foi mais uma equipe a anunciar quem serão os parceiros de seus pilotos na corrida em duplas que marca a abertura da temporada 2015 da Stock Car em Goiânia. Nesta sexta-feira (27), a equipe confirmou que Thiago Camilo vai reeditar a dupla com Lucas Di Grassi, enquanto Galid Osman vai ter como parceiro o bicampeão da F-Truck Beto Monteiro.
 
Camilo lembrou dos problemas mecânicos enfrentados em 2014 e falou que a meta para a corrida deste ano é transformar todo potencial em pontos para não começar o ano muito atrás dos concorrentes.
 
“Esse ano o objetivo é transformar potencial em pontos. É importante começar a temporada bem. Nos últimos anos eu sempre disputei o título, mas passando boa parte da temporada correndo atrás dos outros, sem gordura para queimar. Em 2014 foi assim, tivemos um problema mecânico e não pontuamos numa corrida em que poderíamos brigar pela vitória, pois o Lucas teve uma adaptação fantástica ao Stock Car. Mas tenho certeza que 2015 será diferente”, disse. 
 
Líder da atual temporada da F-E, Di Grassi elogiou a categoria e o companheiro de carro e falou em buscar a vitória em Goiânia.
 
“A Stock Car é uma categoria incrível, onde eu pretendo, no futuro, fazer o campeonato inteiro. Hoje a Ipiranga RCM é uma das melhores equipes, por isso estou muito contente de fazer novamente essa etapa de duplas com ela. O Thiago é um excelente piloto e um grande amigo, por isso é o parceiro ideal para que eu me readapte rapidamente ao carro para buscarmos a vitória”, declarou.
Thiago Camilo terá a companhia de Lucas Di Grassi no #21 (Foto: Duda Bairros/Vicar)
Galid ressaltou a boa temporada que teve em 2014 e falou do bom ambiente que espera ter com Beto Monteiro na equipe.
 
“O Beto é um grande amigo e um piloto muito rápido e experiente. É rápido em qualquer coisa que pilota, do kart ao caminhão da F-Truck, e essa combinação de bom ambiente, talento e experiência é fundamental para brigarmos por uma grande corrida. Em 2014 consegui meus primeiros pódios e minha primeira vitória na Stock Car, esse ano estou mais experiente, mais confiante e com fome de vitórias”, afirmou.
 
Monteiro citou todas as diferenças da Stock Car para as demais categorias e, assim como Galid, aposta no bom relacionamento para ter sucesso com o time em Goiânia.
 
“Tenho certeza que a qualidade da equipe e o bom relacionamento entre os pilotos, que facilita a troca de informações, será fundamental para ficarmos no grupo da frente. Fiquei muito honrado com o convite para disputar essa corrida e acho esse intercâmbio com a Stock Car extremamente válido. Eu já sentei em muitos carros, até treinei num Stock Car Light, mas pelo que observo quando vou às corridas, principalmente na telemetria, é que o Stock Car é um carro muito manhoso. Você pega um  Grand Am (categoria norte-americana de protótipos), por exemplo, que tem mais ou menos os mesmos 500 cavalos de um Stock, mas é mais dócil. Pilotar um Stock Car será um grande desafio, que só aumenta minha motivação”, falou.
 
Camilo foi o sexto colocado na temporada 2014 da Stock Car, brigando pelo título até a última prova do ano. Galid ficou em 17º, conquistando sua primeira vitória na categoria.
 
ESCONDENDO O JOGO?

A Williams foi só a quinta equipe em quilometragem total nos dois primeiros testes da pré-temporada da F1 em 2015, mesmo que seu carro não tenha apresentado nenhum grande problema durante as atividades. Engenheiro-chefe da equipe inglesa, Rod Nelson explicou o porquê de o programa de treinamentos ser mais ‘econômico’ que o da concorrência"Não acho que estamos escondendo o jogo", disse o inglês

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube