Stock Car

Casagrande fecha sexta-feira com melhor tempo em Interlagos. Serra e Fraga ficam no pelotão do meio

Gabriel Casagrande foi o mais rápido desta sexta-feira (7) em Interlagos. A Hero colocou dois carros entre os cinco primeiros, com Lucas Di Grassi ficando a apenas 0s050 do líder e Gaetano di Mauro novamente muito bem, na quarta colocação. Daniel Serra foi o 17º, logo à frente de Felipe Fraga
Warm Up, de São Paulo / FERNANDO SILVA, de Interlagos
 Gabriel Casagrande (Foto: Fernanda Freixosa/Stock Car/Vipcomm)
A sexta-feira (7) que marcou a abertura dos trabalhos de pista da Stock Car às vésperas da grande final, em Interlagos, teve Gabriel Casagrande como o dono do melhor tempo. O paranaense, que está de saída da Vogel para defender o time chefiado por William Lube e Duda Pamplona em 2019, registrou 1min36s785 e se colocou na frente no segundo treino livre. A Hero, que está de partida da Stock Car ao fim do ano, colocou dois dos seus três carros entre os cinco primeiros: Lucas Di Grassi ficou apenas 0s050 atrás de Casagrande e foi o segundo, com Felipe Lapenna, da Cavaleiro, completando o top-3. 
 
Gaetano di Mauro, que estreia na Stock Car neste fim de semana, voltou a fazer um treino livre impecável. O jovem de 21 anos, emprestado pela Academia Shell Racing à Vogel, foi novamente o quarto colocado, repetindo a posição obtida pela manhã, enquanto Átila Abreu, o líder do TL1, desta vez fechou a lista dos cinco mais rápidos, seguido pelo seu companheiro de Shell V-Power, Ricardo Zonta. Julio Campos, Galid Osman, Allam Khodair e Rafael Suzuki completaram o top-10.
 
Entre os candidatos ao título, novamente Daniel Serra e Felipe Fraga ficaram em posições intermediárias. O atual campeão e líder do campeonato finalizou o treino em 17º lugar, a 0s935 do tempo de Casagrande, enquanto Felipe Fraga terminou logo atrás, em 18º.
 
A Stock Car volta a acelerar em Interlagos nesta manhã de sábado, a partir de 8h40 (horário de Brasília). O treino classificatório que vai definir o grid de largada está marcado para 12h, com transmissão ao vivo pelo canal SporTV 2. O GRANDE PRÊMIO cobre ‘in loco’ a etapa decisiva da Stock Car neste fim de semana em Interlagos com Felipe Noronha, Fernando Silva e Rodrigo Berton.
abriel Casagrande cravou o melhor tempo do dia em Interlagos (Foto: Fernanda Freixosa/Stock Car/Vipcomm)
Saiba como foi o segundo treino livre da Stock Car em Interlagos
 
Rafael Suzuki manteve a boa performance exibida na sessão realizada pela manhã e chegou a liderar a tabela de tempos nos minutos iniciais à tarde, assim como Ricardo Zonta. Outro piloto que também começou bem o fim de semana foi Thiago Camilo. O #21, que vai seguir pela A.Mattheis/Ipiranga em 2019 — ao lado de Bia Figueiredo —, dono de cinco vitórias em Interlagos, tomou a ponta do treino com 1min37s968, somente 0s008 mais rápido que Suzuki.
 
Nas voltas seguintes, outro piloto experiente e campeão que apareceu bem em Interlagos foi Ricardo Maurício, que passou Zonta para subir à terceira posição do treino. O veterano da Shell V-Power se colocava em quarto, logo à frente de Lucas Foresti, que se despede da Cimed neste fim de semana em Interlagos. Cacá Bueno aparecia em nono lugar.
 
Na reta final do treino para o G1, Khodair marcou 1min37s537 e pulou para a ponta do treino. Os tempos melhoraram bastante no fim e, naturalmente, houve uma alternância nas posições. Suzuki chegou à segunda posição e ficou a apenas 0s022 de Khodair. Em seguida, Zonta voltou ao top-3 e ficou somente 0s003 atrás do então líder da sessão. Maurício aparecia em quarto, enquanto Camilo, de líder na maior parte do G1, era o quinto.
Rubens Barrichello em ação nesta sexta-feira de treinos em Interlagos (Foto: Fernanda Freixosa/Stock Car/Vipcomm)
Mas ainda havia uma volta final, e aí foi a vez de Zonta comprovar o ótimo ritmo da Shell V-Power em Interlagos. Zonta fez o melhor tempo do dia até então e, com 1min37s359, fechou o treino como líder do grupo 1. Khodair foi o segundo e Suzuki finalizou em terceiro.
 
O intervalo entre a primeira e segunda parte do treino foi marcado por uma chuva fina. Só que o volume de água não foi grande o bastante para molhar a pista, e logo a precipitação cessou. Assim, os pilotos do G2 tinham condições semelhantes de asfalto em Interlagos, com muito vento e até um pouco de frio às vésperas do verão.
 
Lucas Di Grassi foi o primeiro dentre os pilotos do G2 a conseguir se aproximar dos ponteiros, subindo para a quarta colocação no geral, com Marcos Gomes em oitavo e Felipe Lapenna na nona posição. A expectativa, claro, era pelas performances de Serra e Fraga, que finalizaram o primeiro treino em posições intermediárias.
 
Serrinha, aliás, foi o primeiro dentre os dois postulantes ao título a conseguir subir para o top-10. Além do atual campeão, Rubens Barrichello também melhorava seu tempo, sendo o sexto colocado. 
 
De fato, a pista se mostrava melhor. Foi assim que Gabriel Casagrande pulou para a segunda posição com 1min37s359, somente 0s032 atrás de Zonta. Mas o piloto, que se despede da Vogel neste fim de semana, foi ainda melhor na volta seguinte e foi o primeiro do fim de semana a derrubar a casa de 1min37s para uma volta em 1min36s785. Átila Abreu, líder do TL1, subia para décimo, deixando Serrinha em 13º.
Lucas Di Grassi ficou a apenas 0s050 do tempo de Casagrande (Foto: Fernanda Freixosa/Stock Car/Vipcomm)
Em seguida, Átila comprovou a grande forma da Shell V-Power e passou de décimo para segundo lugar. Só que o #51 não ficou por tanto tempo assim na colocação, sendo superado por Felipe Lapenna e pelo surpreendente Gaetano di Mauro, em segundo e terceiro, respectivamente. Aí era a vez de Di Grassi encaixar ótima volta para ficar somente 0s050 atrás de Casagrande.
 
No fim das contas, Casagrande conseguiu manter a liderança do treino e fechou a sexta-feira com o melhor tempo. A Hero andou bem com Di Grassi e Gaetano, deixando sua marca logo na estreia. Destaque também para Felipe Lapenna, terceiro colocado. Os candidatos ao título mantiveram as colocações intermediárias: Serrinha em 17º e Fraga imediatamente atrás.

Stock Car 2018, Interlagos, treino livre 2:

1 G CASAGRANDE Vogel 1:36.785   12
2 L DI GRASSI Hero 1:36.835 +0.050 14
3 F LAPENNA Cavaleiro 1:37.054 +0.269 14
4 G DI MAURO Hero 1:37.142 +0.357 14
5 A ABREU Shell 1:37.150 +0.365 12
6 R ZONTA Shell 1:37.359 +0.574 14
7 J CAMPOS Prati Donaduzzi 1:37.361 +0.576 13
8 G OSMAN Cavaleiro 1:37.428 +0.643 13
9 A KHODAIR Blau 1:37.537 +0.752 12
10 R SUZUKI Hot Car Bardahl 1:37.559 +0.774 16
11 C RAMOS Blau 1:37.621 +0.836 16
12 R MAURÍCIO Full Time 1:37.621 +0.836 12
13 R BARRICHELLO Full Time 1:37.638 +0.853 14
14 N PIQUET Full Time 1:37.651 +0.866 13
15 T CAMILO A. Mattheis/Ipiranga 1:37.698 +0.913 15
16 M GOMES Cimed 1:37.706 +0.921 12
17 D SERRA RC Eurofarma 1:37.720 +0.935 10
18 F FRAGA Cimed 1:37.871 +1.086 15
19 D NAVARRO Cavaleiro 1:37.979 +1.194 15
20 L FORESTI Cimed 1:38.057 +1.272 16
21 V GENZ Carlos Alves Eisenbahn 1:38.064 +1.279 14
22 G LIMA Vogel 1:38.067 +1.282 15
23 B BAPTISTA Hero 1:38.069 +1.284 15
24 C BUENO Cimed 1:38.223 +1.438 16
25 V BRITO Carlos Alves Eisenbahn 1:38.233 +1.448 13
26 M WILSON RC Eurofarma 1:38.281 +1.496 14
27 B FIGUEIREDO A. Mattheis/Ipiranga 1:38.330 +1.545 13
28 R SPERAFICO Hot Car Bardahl 1:38.344 +1.559 14
29 D NUNES Full Time 1:38.433 +1.648 13
30 A PIZZONIA Prati Donaduzzi 1:38.465 +1.630 16
31 W STAROSTIK KTF 1:40.469 +3.634 8