Com dificuldades financeiras, Fittipaldi Team cancela entrada imediata na Stock Car e tenta estreia em 2020

A entrada do Fittipaldi Team, desejada para 2019 na Stock Car, foi adiada. Com problemas financeiros, a equipe agora planeja estrear na principal categoria do automobilismo brasileiro em 2020

A Stock Car abre sua temporada 2019 no próximo final de semana, no Velopark. Mas, faltando quatro dias para os primeiros treinos, na sexta-feira (5), a categoria perdeu oficialmente uma equipe: a Fittipaldi Team, que desistiu de entrar no campeonato neste ano.

No final de 2018, a equipe chefiada por Wilson Fittipaldi Júnior havia anunciado a estreia na Stock Car para este ano, com participação de Roberto e Felipe Zullino como administradores, Ricardo Divila como engenheiro de equipe e Christian Fittipaldi, que fez sua última corrida na carreira nas pistas em Daytona, neste ano, como chefe na área esportiva.

Roberto Zullino, Wilson Fittipaldi Júnior e Felipe Zullino, gestores do Fittipaldi Team (Foto: Fernando Santos/Divulgação Fittipaldi Team)

Porém, o plano foi adiado oficialmente para 2020, por dificuldades financeiras: "Na situação atual, teríamos que investir uma quantia muito alta este ano e no mínimo repetir a dose em 2020. Isso se tornou inviável, ainda mais em razão da queda no apoio de patrocinadores. Por isso, decidimos adiar nossos planos e nos prepararmos para a temporada do próximo ano", disse Wilson.

Além da entrada na Stock Car ter sido adiada, a equipe também desistiu de competir em outras categorias no Brasil neste ano.

Até o momento, a categoria tem 28 das 32 vagas disponíveis no grid completas. O último nome confirmado foi o de Pedro Cardoso, que será companheiro de Rafael Suzuki na Hot Car. 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar