Com vitória de Átila e pódio de Zonta, Shell V-Power coroa fim de semana positivo em Londrina

A equipe chefiada por Thiago Meneghel emendou uma série de manda menos que quatro vitórias em corridas 2 nas últimas etapas, sendo uma com Ricardo Zonta e três com Átila Abreu. A etapa de Londrina evidenciou a grande fase da Shell V-Power no segundo semestre

A Shell V-Power consolidou a grande fase que vive neste segundo semestre e garantiu dois resultados muito importantes na disputa da décima etapa da temporada 2018 da Stock Car, na tarde deste domingo (21), em Londrina. Depois de uma classificação bastante sólida, com Ricardo Zonta largando na corrida 1 em sexto e Átila Abreu em sétimo, a equipe chefiada por Thiago Meneghel esteve entre os primeiros desde sempre e faturou, com Zonta, o terceiro lugar na disputa. Em seguida, Átila acertou na estratégia, guardou todos os botões de ultrapassagem e conquistou sua terceira vitória consecutiva em corridas 2, a quarta de toda a temporada.
 
O desempenho de Zonta e Átila na primeira corrida definiu a estratégia de ambos. Logo de cara, o dono do carro #10 conseguiu ganhar posições importantes e se colocou na briga pelos primeiros lugares com Rubens Barrichello, Júlio Campos e Daniel Serra, enquanto Felipe Fraga e Marcos Gomes vinham um pouco mais à frente.
 
Átila se manteve em sétimo e, desde então, projetou a estratégia de buscar se manter entre os dez primeiros e focar na corrida 2. Por isso, guardou todos os 16 acionamentos do push-to-pass para a prova complementar. Zonta aproveitou a boa performance e avançou, contando ainda com o bom trabalho da Shell V-Power no pit-stop, que o deixou entre os primeiros, em condições até de lutar pela vitória com Barrichello, que havia assumido a ponta.
Átila Abreu venceu pela quarta vez na temporada 2018 da Stock Car (Foto: José Mário Dias/Shell Racing)
Nas últimas voltas, porém, Zonta perdeu performance em razão de problemas elétricos no carro e não conseguiu brigar pelo topo do pódio, perdendo o segundo lugar para Campos no fim, terminando em terceiro. Átila somou pontos importantes com o sexto posto na disputa.
 
Entre as duas corridas, a Shell V-Power avaliou os problemas elétricos no carro de Zonta e viu que o cenário exigiria mais tempo para os devidos reparos. De modo que o paranaense até largou, mas logo recolheu de volta para os boxes com poucas voltas de corrida 2.
 
Por sua vez, Átila teve uma performance notável. Depois de ter largado em quinto, foi ultrapassando um a um seus oponentes: Diego Nunes, Thiago Camilo e Marcos Gomes. Ao fim da janela de pit-stops, Abreu contou com o melhor trabalho da equipe chefiada por Thiago Meneghel na troca de pneus e reabastecimento e fez o chamado ‘undercut’, passando o então líder, Felipe Fraga. A vitória foi definida ali.
 
No fim, Átila se deu ao luxo de poupar seu carro, a ponto de cruzar a linha de chegada com botões de ultrapassagem ainda disponíveis. O que reflete a grande jornada do sorocabano, dono do maior número de vitórias na temporada.
 
O #51 vibrou com a conquista neste domingo em Londrina. “Quando o regulamento nos permite criar uma estratégia e ir somando pontos, estamos fazendo. Quarta vitória no ano, terceira consecutiva. Estou muito feliz”, comemorou o piloto, que agora divide o quinto lugar com Max Wilson e soma 176 pontos.
Ricardo Zonta voltou ao pódio com o terceiro lugar na corrida 1 (Foto: José Mário Dias/Shell Racing)
Abreu lembrou a jornada que viveu em Londrina no mês de maio, quando também despontava para a vitória, mas teve de lidar com um problema ocorrido no pit-stop, o que gerou a punição que lhe tirou a chance de triunfar. Desta vez, contudo, o final foi bem mais feliz.
 
“Uma vitória que escapou na primeira etapa aqui em Londrina após uma punição no fim por causa de um pit-stop. Hoje a equipe deu a volta por cima com pit-stops fantásticos, que me deram condições de ganhar essa corrida. Agradeço muito à equipe Shell V-Power. Quem guarda push, tem”, comemorou.
 
Zonta, que foi um dos vencedores da eleição do Fan Push neste domingo, destacou a melhora obtida pela Shell V-Power em treinos classificatórios, refletida com o posicionamento dos dois pilotos da equipe no top-10 no grid da corrida 1. O veterano só lamentou por não conseguir lutar até o fim pela vitória na corrida 1.
 
“Focamos bastante no desempenho em classificação, conseguimos achar alguns erros que cometíamos no balanço do carro. Largando entre os seis primeiros, a chance de evitar confusão e ter um ritmo mais rápido é muito maior. O desempenho do nosso carro em corrida é muito bom e consegui me manter muito próximo ao Rubinho, mas pena que deu uma pane elétrica no carro”, explicou.
 
“Começou a falhar, e eu estava perdendo 10 km/h por reta nas últimas cinco voltas. Não fosse esse problema, dava para ter atacado o Rubinho nessa briga pela vitória”, complementou.
A Shell V-Power teve grande jornada neste domingo em Londrina (Foto: José Mário Dias/Shell Racing)
Thiago Meneghel deixa Londrina muito satisfeito com o fim de semana bastante positivo no Autódromo Internacional Ayrton Senna. “Buscamos a vitória que deixamos escapar no pit aqui na corrida passada, quando estávamos liderando. Quatro vitórias do Átila na temporada, cinco da equipe. O Zonta foi terceiro na primeira corrida, e agora vamos comemorar e caprichar em Goiânia”.
 
A 11ª e penúltima etapa da temporada 2018 da Stock Car acontece dentro de duas semanas, no dia 4 de novembro, no retorno da principal categoria do automobilismo brasileiro ao Autódromo de Goiânia. Desta vez, no tradicional circuito misto.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube