Em corrida maluca na chuva, Piquet foge na ponta e conquista primeira vitória na Stock Car

Começo com chuva, fim com pista seca, e uma disputa emocionante foi vista em Interlagos. Melhor para Nelsinho Piquet, que conseguiu vencer pela primeira vez em sua carreira na categoria brasileira

O final de semana diferente da Stock Car, com uma etapa isolada no sábado (22), antes da Corrida do Milhão no domingo, ganhou contornos de emoção graças à chuva em Interlagos. Ela apareceu, depois sumiu, confundiu as estratégias e, em meio à bagunça, novidade: Nelsinho Piquet venceu pela primeira vez em sua carreira na Stock Car.

O piloto da Full Time largou em segundo e acabou vencendo em um misto de briga na pista e estratégia: o #33 conseguiu passar o pole Cesar Ramos em bela batalha, e depois segurou o posto e ganhou vantagem na necessária troca de todos os pneus de chuva para slick.

Ramos ainda conseguiu ir ao pódio em segundo, com Ricardo Zonta vencendo outra disputa, essa com Rafael Suzuki, para conseguir o terceiro posto.

A expectativa da mesma emoção fica agora para a Corrida do Milhão, que acontece no domingo, às 10. Antes, a classificação será disputada às 8h. O GRANDE PRÊMIO faz cobertura completa das duas etapas da Stock Car em Interlagos.

Nelsinho Piquet levanta o troféu da vitória de sábado em Interlagos (Foto: Duda Bairros/Vicar)

Saiba como foi a corrida em Interlagos:

Com a pista molhada, mas secando, o safety-car foi acionado. Diego Nunes foi o primeiro a apostar em trocar os pneus, dos de chuva para os slick. Foram cinco minutos com o carro de segurança controlando o ritmo, até a largada.

Nela, Cesar Ramos sofreu pressão de Nelsinho Piquet, mas conseguiu segurar a liderança. Nos primeiros minutos, apenas Thiago Camilo ganhou posição dentro do top-10, indo para oitavo após passar Átila Abreu. Só que o piloto da Ipiranga também foi o próximo a perder espaço, com Ricardo Maurício e Gaetano Di Mauro realizando ultrapassagem dupla.

Após 10 minutos, o pressionado foi o então quinto colocado, Julio Campos. Lucas Foresti conseguiu a passagem, e uma volta depois Gabriel Casagrande também passou pelo piloto da Crown.

Julio Campos saindo dos boxes (Foto: Duda Bairros/Vicar)

A batalha esquentou também pela liderança, com Ramos precisando acionar o push para segurar Piquet na volta 8. Mas, logo após o ‘S’ no giro seguinte, Piquet fez um belo ‘X’ sobre o rival e assumiu a ponta.

Duas voltas depois, Piquet e Ramos seguiram na briga, mas nos boxes. E o piloto da Full Time teve vantagem: saiu na liderança, abriu vantagem e ainda viu Campos, de forma surpreendente, passar Ramos. Na pista, Rafael Suzuki chegou a assumir a ponta, mas viu Ricardo Zonta passar.

As paradas foram mais lentas que o usual: com a pista secando, os carros tiveram os quatro pneus trocados, o que movimentou o grid. Por isso, Campos se aproveitou de parar antes e começou a fazer as voltas mais rápidas: logo no 12° giro, baixou em 3s os melhores tempos então e anotou 1min45s355.

Cacá Bueno (Foto: Duda Bairros/Vicar)

O grid, porém, apertou de novo pois, na mesma volta, o safety-car voltou à pista após incidente envolvendo Pedro Cardoso e Cacá Bueno. O piloto da Crown tentou colocar por fora e Cardoso freou cedo, jogando Bueno para fora e perdendo o controle do próprio carro.

Faltando 10 minutos, o safety-car deixou a pista e dois favorito se tocaram e rodaram: Daniel Serra e Thiago Camilo, com ambos saindo do top-10. Mais polêmica em seguida: na abertura da volta seguinte, Zonta tentou passar Campos na reta principal, foi tocado e ainda perdeu a posição para Ramos após balançar o carro.

Isso durou três minutos: foi quando Ramos, Zonta e Suzuki conseguiram passar Campos. E Rubens Barrichello surgiu de maneira surpreendente para disputar a curva após a reta principal por fora. O #111 chegou a passar Suzuki, mas perdeu força e na mesma volta caiu para 10°;

Rafael Suzuki (Foto: Duda Bairros/Vicar)

A loucura na parte de cima do grid continuou: Camilo rodou quando faltavam três minutos, após disputa com Foresti. E enquanto Piquet seguia abrindo vantagem, Zonta voltava ao terceiro posto ao passar Suzuki, e Ricardo Maurício surgia na quinta posição.

A última volta teve menos emoção: Piquet abriu mais de 5s e venceu. Ramos segurou Zonta e estes foram ao pódio nesta ordem. Suzuki, Maurício, Casagrande, Barrichello, Di Mauro, Allam Khodair e Bruno Baptista completaram o top-10.

Stock Car 2020, Interlagos, segunda etapa:

1N PIQUETFULL TIME TOYOTA41:44.79721 voltas
2C RAMOSIPIRANGA TOYOTA+5.833 
3R ZONTARCM TOYOTA+6.641 
4R SUZUKIFULL TIME TOYOTA+7.611 
5R MAURÍCIORC CHEVROLET+8.194 
6G CASAGRANDER.MATTHEIS CHEVROLET+9.752 
7R BARRICHELLOFULL TIME TOYOTA+9.860 
8G DI MAUROVOGEL CHEVROLET+10.796 
9A KHODAIRBLAU CHEVROLET+11.723 
10B BAPTISTARCM TOYOTA+11.825 
11L FORESTIVOGEL CHEVROLET+17.282 
12A ABREUCROWN SHELL CHEVROLET+17.602 
13D SERRARC CHEVROLET+17.672 
14D NUNESBLAU CHEVROLET+18.551 
15G OSMANCROWN SHELL CHEVROLET+19.564 
16C BUENOCROWN CHEVROLET+23.101 
17V BAPTISTAKTF CHEVROLET+24.531 
18J CAMPOSCROWN CHEVROLET+26.538 
19D NAVARROCAVALEIRO CHEVROLET+28.099 
20G SALASKTF CHEVROLET+42.773 
21T ANTONIAZIHOT CAR CHEVROLET+43.915 
22T CAMILOIPIRANGA TOYOTA+46.926 
23M GOMESCAVALEIRO CHEVROLET+53.299 
24M ROSSIFULL TIME TOYOTA+4 voltas 
25P CARDOSOR.MATTHEIS CHEVROLETAbandonou 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube