Casagrande supera até punição e vence corrida 1 em Interlagos. Da Costa vai de 17º para 9º

Gabriel Casagrande teve de acelerar forte nas voltas finais para superar uma punição de 5s e superar Allam Khodair para vencer a corrida 1 em Interlagos. Bruno Baptista foi o terceiro, enquanto António Félix da Costa foi o nono

F1 troca Turquia por Estíria e mantém 23 corridas no calendário 2021 (GRANDE PRÊMIO com Reuters)

Gabriel Casagrande venceu a corrida 1 da Stock Car em Interlagos. Na manhã deste domingo (16), o paranaense da A.Mattheis/Vogel liderou praticamente de ponta a ponta, mas recebeu uma punição de 5s por ter tocado no carro de Diego Nunes na primeira volta, ainda na Reta Oposta. Assim, o piloto teve de acelerar tudo nas voltas finais para abrir vantagem que lhe garantiria o triunfo contra Allam Khodair, da Blau. No fim, por apenas 0s569, Casagrande comemorou a vitória em São Paulo.

Khodair ficou em segundo, enquanto Bruno Baptista, da RCM, fechou o top-3. César Ramos, da Ipiranga, foi o quarto, seguido por Átila Abreu, da Pole/Shell Motorsport, enquanto Diego Nunes foi o sexto. Denis Navarro terminou em sétimo lugar, à frente de Pedro Cardoso. António Félix da Costa, que foi chamado pela RC Eurofarma para correr no lugar de Ricardo Maurício, que testou positivo para Covid-19, foi o nono depois de ter largado em 17º. Galid Osman, companheiro de equipe de Átila, foi o décimo.

Gabriel Casagrande teve de lutar contra uma punição de 5 segundos para vencer pela quarta vez na Stock Car (Foto: Reprodução)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Saiba como foi a corrida 1 da Stock Car em Interlagos

Pouco antes da largada, a direção de prova determinou 1 minuto de silêncio em memória do prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), que morreu na manhã deste domingo, vítima de câncer.

Também antes da largada, a organização da Stock Car divulgou os nomes dos pilotos mais votados na eleição do Fan Push Claro 5G: Thiago Camilo, Ricardo Zonta, Cacá Bueno, Lucas Foresti, Cesar Ramos e Galid Osman.

Na largada, o pole Gabriel Casagrande manteve a primeira posição até o S do Senna, mas após um pequeno toque na saída da curva, o piloto da A.Mattheis/Vogel ficou com o carro instável, o que permitiu a Allam Khodari e Diego Nunes, da Blau, emparelharem lado a lado com o #83. No fim da Reta Oposta, Nunes se deu mal após ter a porta fechada por Casagrande, passou pela grama, perdeu o controle do carro e caiu de terceiro para sexto.

STOCK CAR; CORRIDA 1; INTERLAGOS;
Largada da corrida 1 da Stock Car em Interlagos (Foto: Reprodução)

Mais atrás, Rubens Barrichello escapou da pista em incidente que envolveu também dois outros campeões da Stock Car: Marcos Gomes e Cacá Bueno. Barrichello e Gomes se arrastaram rumo aos boxes ainda no começo de prova e abandonaram.

Nos primeiros minutos, a corrida tinha dois pelotões destacados: Casagrande logo à frente de Khodair, e mais atrás Thiago Camilo, Ricardo Zonta e Bruno Baptista. Mais atrás estavam César Ramos, Nunes, Átila Abreu, Denis Navarro e António Félix da Costa já em décimo depois de ter largado em 17º.

Marcos Gomes abandonou após incidente com Rubens Barrichello e Cacá Bueno (Foto: Reprodução)

Com 19 minutos para o fim, Zonta tocou no carro de Camilo, que derrapou na subida do Laranjinha e caiu para oitavo. O paranaense, no entanto, não conseguiu segurar o melhor ritmo do seu companheiro de equipe RCM. Baptista assumiu a terceira posição logo depois.

Dentre os pilotos da turma da frente, Casagrande foi o primeiro a fazer seu pit-stop e voltou em 17º. Na sequência, vários pilotos fizeram as respectivas paradas quando a corrida já abria para a sua segunda metade.

Depois da parada, Casagrande voltou bem à frente de Khodair, enquanto Baptista manteve o terceiro lugar. Já Tuca Antoniazi, da Hot Car, recebeu punição de 10s em razão de um toque no carro de Gustavo Frigotto. Zonta também foi punido em 10s por ter acertado Camilo.

A corrida parecia estar no colo de Casagrande, mas os comissários de prova puniram o paranaense em razão do toque no carro de Diego Nunes na primeira volta. Gabriel foi sancionado em 5s e passava a ter a vitória em xeque em Interlagos.

O grande desafio de Casagrande, portanto, era aumentar a vantagem de forma a seguir com mais de 5s de frente para Khodair, pelo menos, para vencer em Interlagos. Félix da Costa, por sua vez, ganhava outras importantes posições e subia para oitavo lugar, sendo um dos protagonistas do domingo em São Paulo.

Na penúltima volta, a vantagem de Casagrande para Khodair era de 5s2, mas caiu para 4s9. A decisão dramática seria no cronômetro, e ninguém tinha a menor margem para erros. Os dois pilotos acionaram o botão de ultrapassagem nos últimos metros. No fim, a vitória ficou mesmo com Casagrande, que triunfou por apenas 0s569. Bruno Baptista terminou em terceiro lugar.

Stock Car 2021, Interlagos, corrida 1, final:

1G CASAGRANDEVOGEL CHEVROLET32:48.63719 voltas 
2A KHODAIRBLAU CHEVROLET+0.569 
3B BAPTISTARCM TOYOTA+9.042 
4C RAMOSIPIRANGA TOYOTA+11.355 
5A ABREUPOLE/SHELL CHEVROLET+12.998 
6D NUNESBLAU CHEVROLET+8.823 
7D NAVARROCAVALEIRO CHEVROLET+14.224 
8P CARDOSOKTF RACING CHEVROLET+16.848 
9A DA COSTA RC EUROFARMA CHEVROLET+17.160 
10G OSMANPOLE/SHELL CHEVROLET+17.197 
11T CAMILOIPIRANGA TOYOTA+17.366 
12R. SUZUKIFULL TIME BASSANI TOYOTA+23.874 
13C HAHNBLAU II CHEVROLET+24.733 
14G LIMAVOGEL CHEVROLET+31.761 
15F MASSALUBRAX PODIUM CHEVROLET+34.609 
16R ZONTARCM TOYOTA+38.183 
17J CAMPOSLUBRAX PODIUM CHEVROLET+38.731 
18S JIMENEZMX PIQUET TOYOTA+42.183 
19M ROSSIFULL TIME TOYOTA+43.187 
20F LAPENNAHOT CAR CHEVROLET+43.243 
21T KANAANFULL TIME BASSANI TOYOTA+43.373 
22B MONTEIROCROWN CHEVROLET+ 1 volta 
23G FRIGOTTORKL CHEVROLET+ 1 volta 
24D SERRARC EUROFARMA CHEVROLET+ 1 volta 
25T ANTONIAZIHOT CAR CHEVROLET+ 1 volta 
26G SALASKTF CHEVROLET+ 1 volta 
27G DI MAUROKTF RACING CHEVROLET+ 1 volta 
28N PIQUETMX PIQUET TOYOTA+ 1 volta 
29L FORESTIKTF CHEVROLET+ 1 volta 
30C BUENOCROWN CHEVROLET+11 voltas 
31M GOMESCAVALEIRO CHEVROLET+18 voltas 
32R BARRICHELLOFULL TIME TOYOTA+18 voltas 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar