Maurício lidera primeiro treino livre da decisão da Stock Car em Interlagos. Fraga fecha em sétimo e Barrichello é 15º

Com grande volta no fim, Ricardo Maurício desbancou Valdeno Brito e liderou o primeiro treino livre do fim de semana decisivo em Interlagos, seguido por Marcos Gomes e Thiago Camilo. Felipe Fraga, grande candidato ao título, foi o sétimo, enquanto Rubens Barrichello fechou a sessão em 15º

#GALERIA(6893)

O primeiro capítulo da grande final envolvendo Felipe Fraga e Rubens Barrichello teve, na verdade, Ricardo Maurício como o grande protagonista. O piloto da RC brilhou com uma volta voadora no fim e cravou a melhor marca do primeiro treino livre, finalizado no começo da quente tarde desta sexta-feira (9) em Interlagos. Maurício cravou 1min39s179, sendo 0s039 mais rápido que o segundo colocado, Valdeno Brito, um dos grandes destaques da temporada. O paraibano faz sua última prova pela TMG neste fim de semana.

Marcos Gomes garantiu o terceiro melhor tempo, seguido por Thiago Camilo, outro que se despede da atual equipe, a RCM. Ricardo Zonta, que liderou boa parte da sessão, fechou em quinto lugar. O melhor colocado dentre os pilotos do Grupo 2 foi Julio Campos, que deixa a C2 ao fim desta temporada para correr pela RX Mattheis/Prati-Donaduzzi no ano que vem. Aí veio o líder do campeonato e maior favorito ao título, Felipe Fraga, dono do sétimo melhor tempo da sessão. Rubens Barrichello, por sua vez, cravou a 15ª marca deste começo de trabalho da Stock Car em Interlagos.

Ricardo Maurício foi o mais rápido no primeiro treino livre do fim de semana em Interlagos (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)

Agora, a Stock Car volta à pista na manhã de sábado com a realização do segundo treino livre, a partir das 8h25. A sessão classificatória acontece às 12h, com transmissão ao vivo pelo canal por assinatura SporTV. E a largada da grande decisão do título está marcada para 10h de domingo, com exibição ao vivo pelo SporTV na TV fechada e pela Rede Globo na TV aberta.

O GRANDE PRÊMIO acompanha ‘in loco’ a grande final da Stock Car com grande equipe: os jornalistas Fernando Silva, Gabriel Curty, Nathália de Vivo, Pedro Henrique Marum, Vitor Fazio e o repórter fotográfico Rodrigo Berton.

Saiba como foi o primeiro treino livre da Stock Car em Interlagos

O primeiro grupo da Stock Car a ir à pista depois do shakedown teve Thiago Camilo, Vitor Genz, Marcos Gomes, Valdeno Brito, Ricardo Zonta, Sergio Jimenez, Guilherme Salas, Denis Navarro, Raphael Abbate, Gabriel Casagrande, Max Wilson, Bia Figueiredo, Daniel Serra e Allam Khodair. Felipe Fraga e Rubens Barrichello, os dois candidatos ao título, estavam no segundo grupo.
 
Nos primeiros minutos de uma sessão marcada pelo forte calor nesta manhã de sexta-feira, sendo quase 50ºC no asfalto, Camilo subiu para a ponta da tabela com 1min40s104, com Sergio Jimenez vindo em segundo lugar, mas pouco depois Valdeno e Gomes subiram para segundo e terceiro, respectivamente, superando o piloto da Cavaleiro.
 
Mas a liderança de Camilo, que faz sua despedida da RCM neste fim de semana, durou pouco tempo. Ricardo Zonta, outro que está de mudança de equipe para a próxima temporada — vai para a TMG —, cravou 1min39s542. Thiago, mesmo melhorando seu tempo, ficou 0s407 atrás do experiente piloto da A.Mattheis.
Postulantes ao título da Stock Car, Felipe Fraga e Rubens Barrichello foram à pista no G2 (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)
Quando restavam cerca de 16 minutos para o fim do treino, Jimenez voltou a melhorar seu tempo e pulou para o top-3, assim como Daniel Serra, na sua última corrida da Red Bull, que se despede da Stock Car. Serrinha subiu para segundo, 0s233 atrás de Zonta. Até que Max Wilson encostou no tempo do paranaense e foi só 0s024 mais lento.
 
Mas foi o atual campeão da Stock Car o ‘cara’ a bater Zonta e assumir a ponta da sessão. Com 1min39s401, Gomes virou o líder do treino. No entanto, Camilo retomou o comando da tabela de tempos por apenas 0s003. Só que Marquinhos deu o troco ao completar sua volta mais rápida em 1min39s235, aproveitando a melhora da pista nos minutos finais. Só que Valdeno, no apagar das luzes, fechou o G1 como líder ao superar Gomes por 0s017.
 
Assim, a primeira parte do treino teve Valdeno na frente, seguido por Gomes, Camilo, Zonta e Max Wilson fechando o rol dos cinco primeiros. Dos 14 pilotos, Allam Khodair enfrentou problemas e completou apenas oito voltas, fechando em 12º.
 
O segundo grupo, além de Fraga e Barrichello, teve também Diego Nunes, Julio Campos, Galid Osman, ‘Bebu’ Girolami, Cacá Bueno, Rubens Barrichello, Felipe Lapenna, Lucas Foresti, Tuka Rocha, Átila Abreu, Xandinho Negrão, Rafael Suzuki, Ricardo Maurício e Guga Lima.
 
No começo da participação dos pilotos do G2, poucas boas marcas foram aferidas, com a maioria dos competidores optando por completar as primeiras voltas com pneus mais velhos. Outro fator que também pesava era o aumento da temperatura da pista, que passava dos 55ºC.  
Valdeno Brito liderou a sessão até a bandeira quadriculada, quando Maurício apareceu para desbancar sua marca (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)
Demorou um bom tempo para que os pilotos do segundo grupo se destacassem na tabela de tempos. Quem o fez com maior propriedade foi justamente o líder do campeonato. Depois de uma boa sequência de voltas, Fraga ocupava a quinta colocação, sendo o melhor do grupo, com 1min39s555, 0s337 atrás do tempo de Valdeno. Outro que vinha bem no G2 era Maurício, em décimo.
 
Outro que mostrava bela performance no G2 era Julio Campos, que subia para quinto lugar, logo à frente de Fraga, quando restavam perto dos 15 minutos para o fim da sessão. Nos minutos finais, Barrichello, que ocupava a 17ª posição, melhorou razoavelmente sua marca e avançou para 13º, mas depois caiu para 14º, logo atrás de Rafael Suzuki e Cacá Bueno, o maior vencedor entre os pilotos em atividade no circuito paulistano.

Parecia tudo definido em favor de Valdeno no primeiro treino livre. Mas já com o cronômetro zerado, Maurício pulou para a ponta ao superar o paraibano em apenas 0s039, garantindo a liderança da sessão. Assim, Valdeno terminou em segundo, com Gomes em terceiro. Felipe Fraga, no fim das contas, confirmou o sétimo lugar, ficando oito posições à frente de Barrichello, começando de forma promissora, com totais condições de confirmar o título da Stock Car no próximo domingo.


Stock Car, Interlagos, 1º Treino Livre:
1 90 RICARDO MAURÍCIO SP RC Chevrolet 1:39.179   16
2 77 VALDENO BRITO PB TMG Chevrolet 1:39.218 +0.039 24
3 80 MARCOS GOMES SP CIMED Peugeot 1:39.235 +0.056 24
4 21 THIAGO CAMILO SP RCM Chevrolet 1:39.398 +0.219 18
5 10 RICARDO ZONTA PR A.MATTHEIS Chevrolet 1:39.428 +0.249 18
6 4 JÚLIO CAMPOS PR C2 Chevrolet 1:39.531 +0.352 22
7 88 FELIPE FRAGA PA CIMED Peugeot 1:39.555 +0.376 19
8 65 MAX WILSON SP RC Chevrolet 1:39.592 +0.413 17
9 83 GABRIEL CASAGRANDE PR C2 Chevrolet 1:39.646 +0.467 18
10 70 DIEGO NUNES SP BASSANI Chevrolet 1:39.711 +0.532 23
11 46 VITOR GENZ RS CARLOS ALVES Peugeot 1:39.732 +0.553 13
12 29 DANIEL SERRA SP RED BULL Chevrolet 1:39.775 +0.596 19
13 8 RAFAEL SUZUKI SP VOGEL Chevrolet 1:39.783 +0.604 21
14 0 CACÁ BUENO RJ RED BULL Chevrolet 1:39.799 +0.620 19
15 111 RUBENS BARRICHELLO SP FULL TIME Chevrolet 1:39.807 +0.628 18
16 28 GALID OSMAN SP RCM Chevrolet 1:39.819 +0.640 23
17 5 DENIS NAVARRO SP VOGEL Chevrolet 1:39.852 +0.673 20
18 73 SÉRGIO JIMENEZ SP CAVALEIRO Peugeot 1:39.887 +0.708 20
19 110 FELIPE LAPENNA SP HOT CAR Chevrolet 1:39.903 +0.724 17
20 117 GUILHERME SALAS SP RZ Chevrolet 1:40.029 +0.850 17
21 25 TUKA ROCHA SP RZ Chevrolet 1:40.030 +0.851 21
22 51 ÁTILA ABREU SP A.MATTHEIS Chevrolet 1:40.128 +0.949 16
23 12 LUCAS FORESTI DF FULL TIME PRO GP Chevrolet 1:40.131 +0.952 24
24 63 NESTOR GIROLAMI ARG CARLOS ALVES Peugeot 1:40.242 +1.063 19
25 18 ALLAM KHODAIR SP FULL TIME Chevrolet 1:40.249 +1.070 8
26 9 GUGA LIMA PR TMG Chevrolet 1:40.352 +1.173 21
27 99 XANDINHO NEGRÃO SP CAVALEIRO Peugeot 1:40.526 +1.347 22
28 3 BIA FIGUEIREDO SP BASSANI Peugeot 1:40.527 +1.348 24
29 26 RAPHAEL ABBATE SP HOT CAR Chevrolet 1:40.548 +1.369 22

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube