No top-3 da sexta-feira em Curitiba, Ramos busca provar que pode competir no topo: “Essa é a ideia”

Cesar Ramos surpreendeu na abertura da Stock Car, em Interlagos, e busca em Curitiba mostrar que pode manter o carro #30 da Blau no topo da categoria. Nos treinos livres de sexta-feira, indicou que é possível

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Cesar Ramos surpreendeu e conquistou, em Interlagos, na Corrida de Duplas, um pódio com o 3° lugar. Punido após a prova, perdeu os pontos conquistados no topo do grid, mas segue na temporada 2018 da Stock Car com um objetivo claro, baseado no desempenho que apresentou em São Paulo.

Em entrevista ao GRANDE PRÊMIO, ele deixou claro que seu foco é estar lá em cima do grid. Nesta sexta-feira (6), ele deu indícios de que pode manter o #30 da Blau nesta posição – fez o terceiro melhor tempo do dia de treinos livres da etapa de Curitiba.

"Essa é a ideia", disse, sobre querer um novo pódio. "O carro está com um trabalho muito bem feito na oficina. É só acertar alguns detalhes para amanhã (sábado, dia do treino classificatório). Acho que o treino de hoje foi muito bom mas não dá para se contentar. Para amanhã o tempo de hoje não é suficiente e vamos acertar alguns detalhes para estar bem amanhã também", afirmou o piloto.

César Ramos (Foto: Duda Bairros/Vicar)

Ele anotou 1min18s328, ficando atrás de Felipe Fraga, que liderou a sexta no Paraná, e Max Wilson. Mas não se contenta: "Com esses tempos que a gente teve hoje dá para imaginar brigar lá em cima na classificação. Quero pegar um Q3 para largar lá na frente e a partir daí ver o que acontece na pista", seguiu.

Por fim, ele comparou seu desempenho contra rivais fortes em campeonato anteriores, tanto nas três temporadas da Stock Car que já disputou como nas fórmulas europeias. E crê que seu talento pode sim colocá-lo na briga contra nomes mais famosos.

"Na verdade eu estou habituado (a andar nesse nível). Eu sempre andei bem lá fora correndo com caras muitos bons também. Então eu só estou revivendo o que já vivi, que é uma competição forte e mesmo assim conseguir me manter lá na frente", afirmou o piloto da Blau.

"Eu sei que não é fácil se manter assim, de repetene a gente vai ter que lidar com alguma adversidade durante o ano, mas tem que aproveitar o que estiver bom para se manter com resultados positivos", finalizou Ramos.

O GRANDE PRÊMIO acompanha 'in loco' todo o fim de semana da etapa de Curitiba com os repórteres Felipe Noronha e Fernando Silva.

CEDO DEMAIS?

ALONSO ENTRA NO ‘MODO EMPOLGOU’ ANTES DO TEMPO

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube