Surpreso por ser 9º, Di Mauro vibra por “virar fim de semana que estava ruim”

Gaetano Di Mauro vai ser o membro do quarteto da Shell Racing largando mais à frente na corrida 1 de Cascavel. Atrás dele, Átila Abreu e Ricardo Zonta estão na 11º e 12ª posições

A Shell vai para a corrida 1 da etapa de Cascavel com o novato Gaetano Di Mauro com a melhor posição de largada entre seus representantes. No treino classificatório deste sábado (19), ficou com a nona colocação e abre a quinta fila. Átila Abreu e Ricardo Zonta saem nas posições 11 e 12, ao passo que Galid Osman sai em 26º.
 
Animado por ter saído da segunda fase do Q1 para avançar com sobras ao Q2, Gaetano comemorou o resultado e se mostrou animado com o que a prova guarda.
 
"Foi uma surpresa, nunca desistimos e sempre trabalhamos para dar o máximo. Fico feliz de ter ficado numa boa posição para largar, quando você larga mais atrás a corrida fica conturbada. Mas ali temos a chance de muitas coisas, inversão de grid, estratégia. Estou muito feliz de virar um pouco esse fim de semana que estava ruim, vamos trabalhar para fazer ainda melhor", disse.
Átila Abreu (Foto: José Mário Dias/Shell Racing)
Átila lamentou a não ida ao Q3, mas também falou sobre confiança por ter um bom carro para as corridas.
 
"Estava bem confiante de ir para o Q3, até por estar no segundo grupo e por ter entrado no Q2 com apenas uma volta. Mas no Q2 imaginávamos que o carro ficasse um pouquinho traseiro, porque trabalhamos muito para melhorar a frente no trecho 1. Melhorou, mas para a segunda saída, já tinha passado muito e não podíamos mexer no carro e ficou um poquinho traseiro demais", falou. 
 
"Com isso, o carro ficou muito de lado e não ia para a frente, e isso nos custou o tempo. Uma pena, mas vamos trabalhar. Tem duas corridas, e aqui a corrida é muito dinâmica. Já ganhamos corridas em situações mais adversas, o carro se comportou bem o fim de semana inteiro. Estou confiante para uma boa corrida", finalizou.
 
Zonta estava menos animado com o carro, especialmente numa pista em que anda tendo problemas. A posição de largada, contudo, é razoável para questões estratégicas.
 
"Cascavel é uma pista na qual tivemos dificuldades nos últimos anos e em todas as outras etapas vinha numa sequência boa na classificação. Uma pena aqui, não achamos o balanço ideal com a temperatura alta, o carro perdeu aderência. Mas largando em 12º ainda é uma boa posição pensando nas estratégia. É uma corrida longa, pode chover, o que muda para todos, e vamos analisar os dados para ver onde podemos mudar para amanhã", avaliou.
Ricardo Zonta (Foto: José Mário Dias)
Galid lembrou dos problemas que anda tendo no seco, mas fez a ressalva: a previsão do tempo para o domingo é de chuva, e na chuva ele andou muito bem na sexta-feira.
 
"Estamos com dificuldades desde o começo do fim de semana, ontem quebrou o câmbio de manhã e de tarde treinei na chuva, e isso atrapalhou na hora de achar o acerto. Mas a previsão é de chuva, e eu andei bem no molhado e vamos fazer uma corrida com bastante estratégia e pontuar o máximo.”
 
No domingo, a largada da corrida 1 está marcada para as 10h30 (de Brasília), ao passo que a corrida 2 começa às 12h.
 
O GRANDE PRÊMIO acompanha a etapa de Cascavel da Stock Car 'in loco' com o repórter Pedro Henrique Marum.

Paddockast #38
CORRIDAS POLÊMICAS DA F1

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube