Truck
07/10/2018 13:36

Andrade supera rivais na primeira volta e vence tranquilo corrida 1 da Copa Truck em Rivera

Roberval Andrade venceu a primeira corrida da Copa Truck no Uruguai com autoridade. Ainda na primeira volta deu o bote em Wellington Cirino, depois em Felipe Giaffone e recebeu a bandeirada de forma tranquila na frente
Warm Up / VINÍCIUS PIVA, de São Paulo
 Roberval Andrade vence em Rivera (Foto: Vanderley Soares)
Roberval Andrade venceu a primeira corrida da Copa Truck em Rivera. Na tarde deste domingo (7), o piloto da Scania, terceiro no grid, foi agressivo logo no início da prova, superou os dois principais rivais e depois abriu vantagem confortável para receber a quadriculada em primeiro.
 
Felipe Giaffone, que chegou a liderar a prova quando ultrapassou Wellington Cirino na largada, correu olhando para a Copa Mercosul e se segurou em segundo, à frente de Cirino. O #6 não teve um bom início de corrida e acabou em quarto, sendo superado na última volta por André Marques.
 
Régis Boessio foi o quinto, Pedro Paulo o sexto e Djalma Fogaça o sétimo. Renato Martins, Fábio Fogaça e Witold Ramasauskas completaram a lista dos dez melhores.
Largada da primeira corrida (Foto: Vanderley Soares)
Saiba como foi a corrida 1 da Copa Truck em Rivera

Antes da largada, veio a informação de que Leandro Totti não conseguiu alinhar no grid por conta de problemas no caminhão. Assim, 17 pilotos foram para a disputa na corrida 1.
 
Veio o sinal verde e Felipe Giaffone foi para cima e ultrapassou Wellington Cirino. Roberval Andrade pegou carona e também deixou o #6 para trás. E não demorou para Andrade superar Giaffone e assumir a liderança ainda na primeira volta. André Marques manteve-se em quarto e Beto Monteiro subiu para quinto. 
 
Monteiro acabou perdendo terreno, caiu para último e abandonou. Com cinco voltas completadas, os dez primeiros eram Andrade, Giaffone, Cirino, André Marques, Giuliano Losacco, Régis Boessio, Fabio Fogaça, Djalma Fogaça, Pedro Paulo e Renato Martins.
 
O #15 vinha abrindo vantagem e já tinha 4s para vantagem, que tinha pouco mais de 1s para Cirino. Marques vinha bem mais atrás, 12s em relação ao líder.

Com as posições dos líderes mantidas, a briga era intensa no pelotão de trás. Fábio Fogaça, Pedro Paulo, Djalma Fogaça e Renato Martins brigavam pela sétima colocação. Já Rodrigo Belinati acabou recolhendo para os boxes.
 
A briga no pelotão intermediário estava bem interessante. Pedro Paulo colocou por fora e fez linda manobra sobre o #27 para ser o sétimo. Giuliano Losacco, o quinto, também abandonou a prova. Assim, Pedro Paulo assumiu o sexto lugar. Débora Rodrigues foi mais uma a ficar pelo caminho.
 
Cirino acabou perdendo rendimento e acabou ultrapassado pelo companheiro de equipe, André Marques. No fim, a vitória acabou mesmo com Andrade, seguido de Giaffone.
Pódio da corrida 1 em Rivera (Foto: Vanderley Soares)

Resultado final
 
1. Roberval Andrade (Scania), 15 voltas em 25min05s216
2. Felipe Giaffone (Volkswagen), a 11s202
3. André Marques (Mercedes-Benz), a 22s251
4. Wellington Cirino (Mercedes-Benz), as 23s665
5. Regis Boessio (Volvo), a 29s649
6. Pedro Paulo Fernandes (Mercedes-Benz), a 47s613
7. Djalma Fogaça (MAN), a 48s530
8. Renato Martins (Volkswagen), a 49s248
9. Fabio Fogaça (Ford), a 50s415
10. Witold Ramasauskas (MAN), a 51s588
11. Adalberto Jardim (Ford), a 54s350
12. Duda Bana (Volvo), a 54s903
13. Luiz Lopes (Volvo), a 1min04s453
14. Giuliano Losacco (Iveco), a 3 voltas
15. Debora Rodrigues (Volkswagen), a 3 voltas
16. Rodrigo Belinati (Volkswagen) a 6 voltas
17. Beto Monteiro (Iveco), a 8 voltas