Truck

Cirino confirma favoritismo e garante pole-position para etapa de Curvelo. Dirani fecha primeira fila

Wellington Cirino segue dando as cartas em Curvelo. O piloto da Mercedes confirmou no classificatório o bom momento que vive em Minas Gerais e vai largar em primeiro. Danilo Dirani completa a dobradinha da Mercedes
Warm Up / VINÍCIUS PIVA, de São Paulo
 Wellington Cirino (Foto: Duda Bairros)
Wellington Cirino vai largar na pole-position da etapa de Curvelo, que encerra a Copa Sudeste. Melhor na sexta e no TL3 disputado na manhã deste sábado (27), Cirino foi soberano no Top Qualifying e com o tempo de 1min46s784 garantiu a quinta pole na temporada 2018 da Copa Truck. O #6, diga-se, foi o único piloto no fim de semana a andar na casa de 1min46s.
 
Danilo Dirani, a 0s525 do ponteiro, ficou com a segunda colocação no grid formando a dobradinha da Mercedes. Régis Boessio abre a segunda fila com seu Volvo, seguido de André Marques em mais um Mercedes.
 
Leandro Totti ficou com a quinta colocação, seguido de Djalma Fogaça. Giuliano Losacco abre a quarta fila e terá ao seu lado Rodrigo Belinati.

O treino ficou marcado pelo grande número de desclassificações. Sete pilotos dos dezenove foram eliminados na sessão por conta do excesso de fumaça. São eles: Felipe Giaffone, Beto Monteiro, Fábio Fogaça, Pedro Paulo, Adalberto Jardim, Roberval Andrade e Renato Martins.

A largada da primeira corrida da Copa Truck em Curvelo será 10h45 (horário de Brasília). A organização decidiu antecipar a prova por conta da previsão de fortes chuvas à tarde.
Danilo Dirani (Foto: Duda Bairros)
Saiba como foi o classificatório da Copa Truck em Curvelo

Inaugurado o cronômetro para a primeira parte do treino classificatório em Curvelo, quem pulou na frente foi Wellington Cirino com o tempo de 1min47s541, trazendo André Marques, seu companheiro de equipe, em segundo.
 
Até Danilo Dirani, também da Mercedes, conseguir 1min47s213 e assumir a dianteira. Felipe Giaffone foi mais um a ganhar terreno. A 0s210 do líder, tomou a posição de Cirino e subiu para segundo. Quase ao mesmo tempo, Beto Monteiro obteve a quarta colocação, mas logo foi empurrado para quinto depois de Roberval Andrade aparecer na lista com seu Scania.
 
Neste momento, os quatro primeiros estavam separados por menos de 1s. A briga pelas duas últimas vagas no Top Qualifying estava intensa entre Régis Boessio, Fábio Fogaça, Giuliano Losacco, Djalma Fogaça e Renato Martins. No fim, melhor para Boessio e Losacco.
 
Após o cronômentro zerar, veio uma leva de desclassificações por conta do excesso de fumaça. Assim, quatro pilotos que tinham assegurado um lugar entre os oito acabaram ficando de fora da disputa pela pole: Giaffone, Andrade, Monteiro e Fábio Fogaça.
 
Portanto, os oito melhores classificados após 15 minutos de treino foram Danilo Dirani, Wellington Cirino, André Marques, Régis Boessio, Giuliano Losacco, Djalma Fogaça e Rodrigo Belinati. Todos garantiram um lugar no Top Qualifying.
 
As demais posições, a partir do nono lugar foram Débora Rodrigues, Witold Ramasauskas, Duda Bana, Luiz Lopes, Felipe Giaffone, Beto Monteiro, Fábio Fogaça, Pedro Paulo, Adalberto Jardim, Roberval Andrade e Renato Martins.
 
Depois de uma rápida pausa, veio os dez minutos finais para definição da pole-position e das quatro primeiras filas da primeira corrida em Minas Gerais.
 
Cirino não encontrou adversários e garantiu mais uma pole na temporada 2018 da Copa Truck. Danilo Dirani foi quem mais conseguiu se aproximar do ponteiro, mas a 0s5 atrás.

Copa Truck, Curvelo, Classificatório:
 
1. Wellington Cirino (Mercedes), 1min46s784
2. Danilo Dirani (Mercedes), 1min47s309
3. Régis Boessio (Volvo), 1min48s525
4. André Marques (Mercedes), 1min48s629
5. Leandro Totti (Scania), 1min49s124
6. Djalma Fogaça (MAN), 1min49s219
7. Giuliano Losacco (Iveco), 1min49s307
8. Rodrigo Belinati (Volkswagen), 1min50s252
9. Débora Rodrigues (Volkswagen), 1min50s896
10. Witold Ramasauskas (MAN), 1min51s713
11. Duda Bana (Volvo), 1min52s726
12. Luiz Lopes (Iveco), 1min53s184
 
Desclassificados
 
Felipe Giaffone (Volkswagen)
Beto Monteiro (Iveco)
Fábio Fogaça (Ford)
Pedro Paulo (Mercedes)
Adalberto Jardim (Ford)
Roberval Andrade (Scania)
Renato Martins (MAN)