Dirani sobra e vence a corrida 2 em Goiânia. Segundo, Giaffone é campeão da Copa Centro-Oeste

Danilo Dirani escalou o pelotão e venceu com tranquilidade a corrida 2 da Copa Truck em Goiânia. Felipe Giaffone chegou em segundo e ficou com o título da Copa Centro-Oeste

Danilo Dirani foi impecável mais uma vez e venceu a corrida 2 da Copa Truck em Goiânia. Oitavo no grid, o piloto da Mercedes escalou um a um, ultrapassou Roberval Andrade e assumiu a liderança ainda no início da prova.

 
Felipe Giaffone acompanhou Dirani como pôde. Com um bom ritmo, foi ganhando posições e chegou em segundo lugar. Com o resultado, fica com o título da Copa Centro-Oeste e garante um lugar na Grande Final em Curitiba.
Roberval Andrade liderou a primeira parte da corrida, mas teve de se contentar com o terceiro lugar, quase 20s atrás do líder. André Marques cruzou a linha de chegada em quarto e Beto Monteiro fechou o grupo dos cinco melhores.
 
Giuliano Losacco foi o sexto, Rogério Castro, correndo em casa, foi o sétimo e Adalberto Jardim colocou seu Ford na oitava colocação.
 
Witold Ramasauskas terminou em nono, com Régis Boessio fechando o top-10.
Danilo Dirani comemora o primeiro lugar em Goiânia (Foto: Duda Bairros)

Saiba como foi a corrida 2 da Copa Truck em Goiânia

Fábio Fogaça, Wellington Cirino e Leandro Totti não conseguiram sequer largar. 
 
Oitavo na corrida 1, Witold Ramasauskas largou na pole, mas quem deu o bote quando veio o sinal verde foi Roberval Andrade. Antes na curva 1, tomou a liderança, acompanhado por Beto Monteiro. Pedro Paulo vinha em terceiro, com André Marques em quarto e Danilo Dirani em quinto.
 
Os dois primeiros começaram a desvagarrar dos demais. Assim como Dirani, vencedor da corrida 1, que na segunda volta, já aparecia em terceiro. Giaffone vinha em recuperação. Primeiro deixou Losacco para trás, em seguida ultrapassou Marques e subiu para quinto. Pedro Paulo, que vinha em ótima quarta colocação, acabou rodando sozinho.
Com cinco voltas, Dirani foi para cima e tomou a ponta. Na tentativa de brigar pela posição, acabou perdendo tempo e Giaffone, atento, colocou de lado e assumiu o segundo lugar da movimentada prova.
 
Nesse momento, os dez primeiros eram: Dirani, Giaffone, Andrade, Monteiro, Marques, Losacco, Boessio, Jardim, Castro e Bana.
O tempo passava e as posições estava estabilizadas. Dirani já tinha confortáveis 2s para Giaffone, que tinha5s6 para Andrade. Débora Rodrigues acabou abandonando porque seu para-brisa acabou quebrado depois de uma peça de outro caminhão atingir o #7.
 
Nos últimos minutos, Dirani esboçou uma tentativa de ataque. Os dois sobravam. Andrade estava quase 15s atrás do líder. Mas Dirani manteve a dianteira para vencer pela segunda vez no dia. 

Resultado final da corrida 2
 
1. Danilo Dirani (Mercedes-Benz), 14 voltas em 25min44s927
2. Felipe Giaffone (Volkswagen), a 2s766
3. Roberval Andrade (Scania), a 19s978
4. André Marques (Mercedes-Benz), a 22s804
5. Beto Monteiro (Iveco), a 23s687
6. Giuliano Losacco (Iveco), a 30s579
7. Rogerio Castro (MAN), a 37s999
8. Adalberto Jardim (Ford), a 57s738
9. Witold Ramasauskas (MAN), a 1min04s533
10. Regis Boessio (Volvo), a 1min12s631
11. Duda Bana (Volvo), a 1min15s112
12. Luiz Lopes (Iveco), a 1min33s915
13. Alexandre Navarro (Mercedes-Benz), a 1 volta
14. Debora Rodrigues (Volkswagen), a 8 voltas
15. Pedro Paulo (Mercedes-Benz), a 9 voltas
16. Djalma Fogaça (Ford), a 13 voltas
17. Rodrigo Belinati (Volkswagen), a 13 voltas
18. Fábio Fogaça (Ford), não largou
19. Wellington Cirino (Mercedes-Benz), não largou
20. Leandro Totti (Scania), não largou

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube