Após três temporadas, time brasileiro do Mundial de GT troca BMW por Lamborghini para 2016

A equipe brasileira de Antonio Hermann vai de Lamborghini para a temporada 2016 do Mundial de GT. Após três temporadas de BMW, os brasileiros vão utilizar carros da fabricante italiana

O time brasileiro do Mundial de GT vai ter carros novos para a temporada 2016. Após três anos de parceria com a BMW, a equipe de Antonio Hermann vai utilizar duas Lamborghini Huracán GT3 no próximo campeonato. A informação é do site ‘Sportscar365’.
 
A temporada 2015 do time foi de altos e baixos, com uma vitória sendo conquistada na abertura do campeonato em Nogaro, com Maxime Martin e Dirk Müller.
O time brasileiro vai mudar da BMW para a Lamborghini (Foto: Tony Hermann)
Hermann afirmou que o time deve seguir com uma formação 100% brasileira. No entanto, a troca de um ou dois pilotos para 2016 não está descartada.
 
Átila Abreu e Valdeno Brito lutaram pelo título até a penúltima etapa e terminaram a Sprint Series na sétima colocação. Cacá Bueno e Sérgio Jimenez foram 11º e 12º, respectivamente.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube