Copa GP

GP in Loco: Edgard Mello Filho celebra taça com traçado antigo de Interlagos. “Hospital onde nasci”

Comentarista da FOX Sports recebeu o troféu com seu nome na terceira etapa da Granja Viana e vê homenagem do GRANDE PRÊMIO como uma celebração da maior paixão de sua vida: o automobilismo

Warm Up / GUILHERME BLOISI, de São Paulo

“Renatinho me liga e quase caio da cadeira”. Foi dessa forma que Edgard Mello Filho recebeu o convite, via telefone, para ter o seu nome marcado no troféu do primeiro minitorneio da Copa GP de Kart, que terminou no sábado (06) e teve o título confirmado para Sidney Rogério, primeiro piloto que fará parte da Scuderia GP para as 500 Milhas de Kart, no final do ano.
 
Ao GRANDE PRÊMIO, Edgard traçou um panorama de toda a sua carreira ligada ao automobilismo, entre piloto e comentarista, mas sempre com a mesma paixão. “Eu não tinha um tostão no bolso e queria correr de automóvel, uma coisa difícil, mas entrei de cabeça nessa vida”.
 
Ao receber a taça com seu nome, lembrou dos momentos felizes vividos em Interlagos, mas não deixou de fazer uma ressalva ao que foi feito na pista com o passar dos anos. “Nasci nesta casa aqui (o autódromo), sou rato destes boxes antigos e, para mim, foi a melhor pista do mundo. Uma pena que mutilaram do jeito que fizeram, não deixaram uma opção para fazer possibilidades diferentes de utilização do circuito”.
Emocionado, o comentarista afirma que vai guardar o troféu recebido na Granja Viana na sua prateleira de conquistas. “Esse vai ter que ficar comigo, já tem um lugar especial ao lado do troféu dos 1000 Km de Brasília, Troféu José Carlos Pace, das 12h de Goiânia e de Tarumã, são taças que marcaram minha vida de piloto. Esse tem o desenho da minha casa, do hospital onde nasci”, afirmou.
 
Sobre o nível da competição, Edgard ficou extremamente satisfeito com o que viu nas etapas em que esteve presente na Granja Viana. “Vi uma rapaziada cheia de vontade, dedicação e, com a chuva, a prova deu uma nivelada. Com os karts sorteados, ou dá 7 ou dá 11, nem sempre você pega um motorzinho bom e percebi que vários pilotos apareceram bem. Gostei do nível de competitividade e de disputa”.
Edgard Mello Filho e Sidney Rogério na Copa GP de Kart 2019 (Foto: Gabriel Pedreschi/Grande Prêmio)
A Taça Edgard Mello Filho chegou ao fim e sai de cena para dar vida à Taça JP de Oliveira. São três etapas, com início marcado para o dia 25 de maio (sábado), a partir do meio-dia (horário de Brasília), com cobertura completa do GRANDE PRÊMIO.